2014
DOI: 10.1590/s1984-04382014000200010
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

O mercado pentecostal de pregações e testemunhos: formas de gestão do sofrimento

Abstract: O mercadO pentecOstal de pregações e testemunhOs: fOrmas de gestãO dO sOfrimentO Mariana Côrtes Universidade Federal de Uberlândia -UberlândiaMinas Gerais -Brasil IntroduçãoUm novo campo de possibilidade se abre para sujeitos em condições de vulnerabilidade social, a grande maioria deles habitantes das periferias das grandes cidades brasileiras. Trata-se da possibilidade de se inserir em um mercado emergente: o mercado pentecostal de pregações e testemunhos. Convertidos às igrejas evangélicas, principalmente e… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1
1

Citation Types

0
0
0
3

Year Published

2017
2017
2023
2023

Publication Types

Select...
6

Relationship

0
6

Authors

Journals

citations
Cited by 19 publications
(3 citation statements)
references
References 2 publications
0
0
0
3
Order By: Relevance
“…Ao lado desse modelo, voltamos nosso olhar para uma categoria observada no campo evangélico pentecostal de "ex-prostituta", como categoria que agrega determinado capital simbólico a essa crente convertida. Pesquisadores da conversão ao (neo)pentecostalismo já apontaram este processo tão especial de atribuição de valor a experiências de vida malditas a partir de sua ressignificação e reposicionamento na biografia dos sujeitos (Cortês 2014, Machado 2014, Teixeira 2011, Cunha 2008, 2015 trazem aspectos específicos do referido processo).…”
Section: Introductionunclassified
“…Ao lado desse modelo, voltamos nosso olhar para uma categoria observada no campo evangélico pentecostal de "ex-prostituta", como categoria que agrega determinado capital simbólico a essa crente convertida. Pesquisadores da conversão ao (neo)pentecostalismo já apontaram este processo tão especial de atribuição de valor a experiências de vida malditas a partir de sua ressignificação e reposicionamento na biografia dos sujeitos (Cortês 2014, Machado 2014, Teixeira 2011, Cunha 2008, 2015 trazem aspectos específicos do referido processo).…”
Section: Introductionunclassified
“…Ainda sobre esse aspecto, destacamos, na seleção lexical do fragmento discursivo (002), que as principais lideranças originais da instituição vieram de tribos urbanas presentes na cidade, as quais são, fundamentalmente, relacionadas aos jovens (rock, skate, funk), e que, talvez, seja uma das explicações possíveis sobre o posicionamento "subversivo" que a instituição ocupa no campo religioso brasileiro (especialmente no evangélico). Convêm frisar que, diferentemente do que Cortês (2014) sublinhou acerca do mercado de pregações e de testemunhos, no caso específico estudado, as lideranças religiosas da instituição parecem não se utilizar de histórias de vida baseadas no sofrimento como mercadoria, mas sim em relatos de vida alternativa.…”
Section: Reconhecendo Um Mercado Neopentecostal De Bens Religiososunclassified
“…O crescimento do pentecostalismo e a replicação de inúmeras igrejas pelos bairros e periferias do País acabam funcionando como empreendimentos de fé que concorrem entre si pela atenção e adesão do fiel. Tal cenário levou os pastores a tomarem contato com técnicas e discursos administrativos (Campos, 1997;Souza e Pinto, 2013;Cortes, 2014), para além da teologia da prosperidade iurdiana, que, por sua vez, foram traduzidos para linguagem teológica e espraiados, assimilados, ressemantizados e postos em marcha pelos fiéis (Gracino Junior, 2008).…”
Section: Antagonismo Afeto E Publicização Religiosaunclassified