2007
DOI: 10.1590/2175-7860200758113
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Lauraceae no município de Corumbá, Mato Grosso do Sul, Brasil

Abstract: Resumo O presente estudo teve por finalidade estudar as espécies da família Lauraceae no município de Corumbá-MS, baseado principalmente em coleções botânicas depositadas em herbários. Foram também realizadas coletas em várias regiões do município, principalmente na morraria Santa Cruz. São registradas para o município 10 espécies subordinadas a cinco gêneros, a saber: Aiouea trinervis, Aniba heringerii, Cassytha filiformis, Nectandra amazonum, N. cissiflora, N. gardneri, N. hihua, N. psammophila, Ocotea diosp… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
4
1

Citation Types

0
1
0
6

Year Published

2009
2009
2018
2018

Publication Types

Select...
6

Relationship

4
2

Authors

Journals

citations
Cited by 7 publications
(7 citation statements)
references
References 5 publications
(6 reference statements)
0
1
0
6
Order By: Relevance
“…2 Em Mato Grosso do Sul foram relatadas 8 espécies de Nectandra (N. amazonum, N. cissiflora, N. cuspidata, N. falcifolia, N. gardneri, N. hihua, N. megapotamica e N. psammophila). 3 Nectandra megapotamica, conhecida popularmente por "canelapreta", ocorre desde o sul de Minas Gerais até o Rio Grande do Sul e também na região Centro-Oeste, sendo que em Mato Grosso do Sul é encontrada nas regiões central e sul do estado. 3,4 A literatura relata 5 trabalhos realizados com espécimes desta planta coletados no estado de São Paulo, 3 dos quais relacionados a atividades biológicas de alguns de seus constituintes químicos.…”
Section: Introductionunclassified
See 1 more Smart Citation
“…2 Em Mato Grosso do Sul foram relatadas 8 espécies de Nectandra (N. amazonum, N. cissiflora, N. cuspidata, N. falcifolia, N. gardneri, N. hihua, N. megapotamica e N. psammophila). 3 Nectandra megapotamica, conhecida popularmente por "canelapreta", ocorre desde o sul de Minas Gerais até o Rio Grande do Sul e também na região Centro-Oeste, sendo que em Mato Grosso do Sul é encontrada nas regiões central e sul do estado. 3,4 A literatura relata 5 trabalhos realizados com espécimes desta planta coletados no estado de São Paulo, 3 dos quais relacionados a atividades biológicas de alguns de seus constituintes químicos.…”
Section: Introductionunclassified
“…3 Nectandra megapotamica, conhecida popularmente por "canelapreta", ocorre desde o sul de Minas Gerais até o Rio Grande do Sul e também na região Centro-Oeste, sendo que em Mato Grosso do Sul é encontrada nas regiões central e sul do estado. 3,4 A literatura relata 5 trabalhos realizados com espécimes desta planta coletados no estado de São Paulo, 3 dos quais relacionados a atividades biológicas de alguns de seus constituintes químicos. Das cascas do caule foram obtidos dois alcalóides (N-metiltriptamina e 6-metóxi-N-metil-1,2,4-tetraidro-β-carbolina) inibidores do crescimento in vitro de Crithidia fasciculata e Trypanosoma cruzi.…”
Section: Introductionunclassified
“…é o segundo maior gênero de Lauraceae com 114 espécies reconhecidas (Rohwer, 1993), estando entre os mais importantes gêneros de plantas lenhosas das regiões tropical e subtropical do continente americano (Rohwer & Kubitzki, 1993). No Brasil, Nectandra encontra-se representada por 43 espécies e apresenta grande diversidade no Bioma Amazônia e Mata Atlântica (Baitello et al, 2003), enquanto que em Mato Grosso do Sul 10 espécies de Nectandra já foram relatadas (Alves & Ishii, 2007).…”
Section: Resultsunclassified
“…No Brasil, destacam-se os trabalhos de taxonomia com Lauraceae de Meissner (1866), Sampaio (1917), Barroso (1949), Vattimo-Gil (1956a, b, 1957, 1958, 1959, 1966a, b, 1976, 1978a, b, 1979a, b, c, 1980a, Coe-Teixeira (1963, 1965, 1975, 1980, Pedralli (1984Pedralli ( , 1986Pedralli ( , 1987 e Baitello & Coe-Teixeira (1987); mais recentemente, os de Vicentini et al (1999), Quinet & Andreata (2002), Baitello et al (2003), Assis et al (2005), Quinet (2005), Kropf et al (2006) e Moraes (2005Moraes ( , 2006; e as listagens da Flora da Mata Atlântica de Quinet (2009) e da Flora do Brasil por Quinet et al (2010). Para Mato Grosso do Sul foram realizados apenas a listagem de Dubs (1998) e os estudos taxonômicos para o município de Corumbá (Alves & Ishii 2007) e Nectandra Rol. ex Rottb.…”
Section: Introductionunclassified