2014
DOI: 10.21874/rsp.v62i3.71
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Ocupação no setor público brasileiro: tendências recentes e questões em aberto

Abstract: Com base neste trabalho, poder-se-ia hoje afirmar com maior segurança que: i) o movimento de recomposição de pessoal no setor público brasileiro, observado durante toda a primeira década de 2000, mostrou-se apenas suficiente para repor praticamente o mesmo estoque de servidores ativos existentes em meados da década de 1990; ii) tampouco se deduz dos dados analisados que os gastos com pessoal tenham saído do controle do governo federal, pois, em termos percentuais, essa rubrica permaneceu praticamente constante… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1

Citation Types

0
0
0
6

Year Published

2014
2014
2021
2021

Publication Types

Select...
4
1

Relationship

0
5

Authors

Journals

citations
Cited by 5 publications
(6 citation statements)
references
References 0 publications
0
0
0
6
Order By: Relevance
“…A admissão de novos servidores no período foi mínima, até mesmo para as carreiras essenciais de Estado, que constituíam foco do plano da reforma administrativa. Essa situação se modificou com o crescimento econômico iniciado no ano de 2004, o qual favoreceu a decisão de reabertura dos concursos públicos dirigidos para pessoal permanente e temporário em áreas prioritárias (Júnior;Nogueira, 2011). É possível notar que "a instituição do concurso público para provimento de cargos no aparelho do Estado Brasileiro tem se constituído num forte atrator de recursos humanos" (Castelar et al, 2010, p. 82).…”
Section: Referencial Teóricounclassified
See 2 more Smart Citations
“…A admissão de novos servidores no período foi mínima, até mesmo para as carreiras essenciais de Estado, que constituíam foco do plano da reforma administrativa. Essa situação se modificou com o crescimento econômico iniciado no ano de 2004, o qual favoreceu a decisão de reabertura dos concursos públicos dirigidos para pessoal permanente e temporário em áreas prioritárias (Júnior;Nogueira, 2011). É possível notar que "a instituição do concurso público para provimento de cargos no aparelho do Estado Brasileiro tem se constituído num forte atrator de recursos humanos" (Castelar et al, 2010, p. 82).…”
Section: Referencial Teóricounclassified
“…Júnior e Nogueira (2011) afirmam que a escolha de servidores a partir de critérios meritocráticos, especialmente para a execução de atividades-fim dos órgãos, indicaria possibilidade de maior impacto positivo sobre a produtividade agregada do setor público. Além disso, quando os servidores assumem a forma de vinculação estatutária, esses estão sob direitos e deveres comuns e estáveis, o que poderia gerar "mais coesão e homogeneidade no interior da categoria, aspecto considerado essencial para um desempenho satisfatório do Estado em longo prazo" (Júnior;Nogueira, 2011, p. 239).…”
Section: Referencial Teóricounclassified
See 1 more Smart Citation
“…Essas vantagens têm atraído muitas pessoas para o serviço público em todas as esferas (federal, estadual e municipal).Porém, essas vantagens parecem ser as únicas motivações para o ingresso, independentemente das atividades inerentes ao cargo a ser ocupado(Albrecht & Krawulski, 2011;Mendes, 2011;Morici & Barbosa, 2013;Santos, Brandão, & Maia, 2015). Portanto, é um contexto no qual mais provavelmente seria observado o fenômeno da sobrequalificação, objeto de pesquisa da presente dissertação.Enquanto no setor privado ocorreu aumento do desemprego, o serviço público federal (civil) admitiu 155 mil servidores, entre 2003 e 2010, e mais de 117 mil, entre 2012 e 2016, via concursos públicos (CardosoJunior & Nogueira, 2011; MPDG, 2016). Contudo, esse aumento correspondeu ao preenchimento de vagas deixadas por servidores que deixaram o serviço público, que passaram para a inatividade ou que eram terceirizados.…”
unclassified
“…Pode-se supor, então, que indivíduos de menor escolaridade (fundamental completo/médio incompleto) foram mais atingidos pelo desemprego, por terem sido substituídos por indivíduos de maior escolaridade seguindo uma tendência nacional de queda iniciada no terceiro trimestre de 2013 (IPEA, 2016). Considerando-se o tipo de vínculo empregatício, no período entre janeiro de 2014 e outubro de O melhor exemplo do setor público é o público federal, o qual funciona como modelo seguido pelos governos de estados e municípios(Cardoso Junior & Nogueira, 2011;Moura & Souza, 2016). No poder executivo (que agrega quase 60,0% do total de servidores públicos federais), metade dos servidores tem remunerações acima de R$ 5.500,00, segundo dados de outubro de 2016, do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão(MPDG, 2016).Deste modo, o setor público brasileiro oferece os melhores salários (em comparação com o setor privado) e, na maioria dos casos, não é afetado por crises econômicas.…”
unclassified