2013
DOI: 10.1590/s0103-40142013000300005
| View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: O artigo traça um breve histórico sobre a evolução dos problemas da mobilidade, dos cavalos aos carros, e mostra que hoje, tal como há cem anos, a priorização do transporte individual levou a problemas sociais, ambientais e de saúde pública. Em seguida, analisa a Política Nacional de Mobilidade Urbana, ressaltando suas inovações e os pontos de atenção que podem prejudicar sua efetividade. Por fim, destaca a necessidade de se melhorar o transporte coletivo e não motorizado e, concomitantemente, desestimular o u… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
4

Citation Types

0
4
0
18

Year Published

2017
2017
2022
2022

Publication Types

Select...
8
1

Relationship

0
9

Authors

Journals

citations
Cited by 32 publications
(22 citation statements)
references
References 0 publications
0
4
0
18
Order By: Relevance
“…Adjacente a esse fato, a cultura da valorização do automóvel, motivada, principalmente, pela criação de políticas públicas de incentivo à indústria automobilística, aumenta cada vez mais o número de veículos motorizados (Kunz et al, 2017). Para Minayo (2009), Barczak & Duarte (2012) e Rubim & Leitão (2013), as principais consequências consistem no aumento dos congestionamentos, dos acidentes de trânsito, da poluição sonora e atmosférica, das alterações climáticas, bem como na diminuição da qualidade de vida da população, que enfrenta grandes dificuldades de deslocamento diariamente.…”
Section: Introductionunclassified
“…Adjacente a esse fato, a cultura da valorização do automóvel, motivada, principalmente, pela criação de políticas públicas de incentivo à indústria automobilística, aumenta cada vez mais o número de veículos motorizados (Kunz et al, 2017). Para Minayo (2009), Barczak & Duarte (2012) e Rubim & Leitão (2013), as principais consequências consistem no aumento dos congestionamentos, dos acidentes de trânsito, da poluição sonora e atmosférica, das alterações climáticas, bem como na diminuição da qualidade de vida da população, que enfrenta grandes dificuldades de deslocamento diariamente.…”
Section: Introductionunclassified
“…Congestionamento ou engarrafamento de veículos é um fenômeno relacionado ao tráfego de veículos quando ocorre a diminuição do fl uxo devido a movimentação em baixas velocidades e paradas em fi la em estradas, ruas ou avenidas [9]. Confi gura-se congestionamento no semáforo quando é formada uma longa fi la e os veículos do fi nal de fi la deve aguardar por mais uma vez a liberação do tráfego pelo semáforo.…”
Section: Introductionunclassified
“…No A ausência de uma cultura de planejamento (Rubim & Leitão, 2013) interfere nessa situação, além de um corpo técnico não valorizado e recursos orçamentá-rios, gerenciais e metodológicos incompatíveis com as suas atribuições (Gemelli & Filippim, 2010), impulsionando o envolvimento de consultorias no planejamento dos transportes. Essas tendem a usar as metodologias tradicionais que vêm sendo contestadas e criticadas por diversos estudos científicos (Kane & Del Mistro, 2003;Straatemeier, 2008) e entidades internacionais (onu-Habitat, 2013, Somik, 2013, que evidenciam uma preocupação quanto à necessidade de novas abordagens.…”
Section: Introductionunclassified
“…Atualmente há uma perspectiva promissora (Rubim & Leitão, 2013) com vistas a conscientizar a população e os gestores sobre novos conceitos no planejamento dos transportes, incorporando a sustentabilidade às decisões técnicas (Azevedo Filho & Rodrigues da Silva, 2012). O que reforça a criação de abordagens alternativas, que valorizem o diálogo interdisciplinar e uma gestão mais democrática, baseada em métodos exequíveis e condizentes com a realidade brasileira.…”
Section: Introductionunclassified