2011
DOI: 10.1590/s1413-294x2011000200010
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Cidadania e inserção laboral assistida: a experiência do trabalho formal de adolescentes pobres

Abstract: ResumoInvestiga o cotidiano de adolescentes pobres partindo do relato do processo de entrada no mercado de trabalho. Participaram 15 adolescentes, sexo masculino, estudantes do Ensino Médio, de famílias de baixa renda, com 18 meses de inserção profissional, assistidos por instituição que capacita, insere e acompanha adolescentes no mercado de trabalho formal numa capital brasileira. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas. Os resultados, considerando que a inserção profissional é uma f… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2

Citation Types

0
0
0
3

Year Published

2012
2012
2019
2019

Publication Types

Select...
2
1

Relationship

0
3

Authors

Journals

citations
Cited by 3 publications
(3 citation statements)
references
References 19 publications
0
0
0
3
Order By: Relevance
“…Algumas categorias teóricas são utilizadas por diferentes autores para qualificar a preocupação que os adolescentes apresentam em relação ao futuro, tais como: perspectiva de futuro (Carvalho, Pocinho & Silva, 2010;Locatelli, Bzuneck & Guimarães, 2007); projeto de vida (Aguiar & Ozella, 2003;Bock & Liebesny, 2003;Da Silva, 2011;Lima, 2006;Wagner, Falcke & Meza, 1997); plano de vida e planejamento de futuro (Wickert, 2006); expectativas de futuro (Aguiar & Conceição, 2009;Alberto, 2007;Cassab, 2001;Costa & Guedes, 2009;Jacobina & Costa, 2007;Matheus, 2003); expectativas em relação ao futuro profissional e projeto profissional (D' Avila, Krawulski, Veriguine & Soares, 2011); interesse profissional (Nunes & Noronha, 2011;Sartori, Noronha & Nunes, 2009).…”
unclassified
“…Algumas categorias teóricas são utilizadas por diferentes autores para qualificar a preocupação que os adolescentes apresentam em relação ao futuro, tais como: perspectiva de futuro (Carvalho, Pocinho & Silva, 2010;Locatelli, Bzuneck & Guimarães, 2007); projeto de vida (Aguiar & Ozella, 2003;Bock & Liebesny, 2003;Da Silva, 2011;Lima, 2006;Wagner, Falcke & Meza, 1997); plano de vida e planejamento de futuro (Wickert, 2006); expectativas de futuro (Aguiar & Conceição, 2009;Alberto, 2007;Cassab, 2001;Costa & Guedes, 2009;Jacobina & Costa, 2007;Matheus, 2003); expectativas em relação ao futuro profissional e projeto profissional (D' Avila, Krawulski, Veriguine & Soares, 2011); interesse profissional (Nunes & Noronha, 2011;Sartori, Noronha & Nunes, 2009).…”
unclassified
“…Neste sentido, temos que adolescência e juventude compreendem experiências subjetivas e coletivas, que partem de uma construção sócio-histórica, cultural e econômica (SILVA;LOPES, 2009). Neste estudo, em que as pessoas têm idade entre 12 e 17 anos, são utilizados os dois termos, por entender que serão explorados aspectos inerentes ao desenvolvimento humano, baseados nas relações sociais e em fatores individuais e coletivos, que vão além do fator etário.…”
Section: Adolescência E Vulnerabilidade Socialunclassified
“…Estudos indicam que existem diferentes macro fatores que determinam esse ingresso precoce no mundo do trabalho, sendo eles a pobreza das famílias e a estrutura de mercado que busca esse tipo de mão de obra. No entanto, a pobreza se destaca, uma vez que é o fator motivador que leva essas crianças e adolescentes a ingressarem no mundo do trabalho, enfatizando o seu papel como coadjuvantes na sobrevivência da família (SOUSA; ALBERTO, 2008;ALBERTO, 2002;SILVA, 2011).…”
Section: E O Futuro? -A Ruptura Das Condições De Vulnerabilidade Socialunclassified