volume 10, issue 3, P431-440 2005
DOI: 10.1590/s1413-73722005000300011
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: RESUMO. Neste artigo, problematiza-se a realização de práticas psicológicas mais compatíveis com os princípios que orientam a organização da atenção à saúde no SUS e os desafios decorrentes da inserção de psicólogos na saúde coletiva. Tem-se como objetivo apresentar uma proposta de atuação psicológica coletiva como uma estratégia de trabalho no campo da saúde coletiva, destacando a importância de um caráter mais socioculturalmente orientado. Através de entrevistas semiestruturadas descreveram-se trajetórias pr…

Expand abstract