2003
DOI: 10.1590/s1516-35982003000300018
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Rendimentos do abate e carcaça de bovinos e bubalinos castrados e inteiros

Abstract: RESUMO -Foram abatidos 24 animais confinados, sendo 8 (4 castrados e 4 inteiros) de cada grupo genético (bovinos Nelore, ½ Nelorex Sindi e bubalinos Mediterrâneos) com peso médio de 430 kg, objetivando-se comparar os rendimentos do abate e da carcaça. Os dados obtidos foram estatisticamente analisados em um esquema fatorial 3 x 2 (três grupos genéticos e duas condições sexuais) com quatro repetições. Bovinos Nelore e ½ Nelore x Sindi apresentaram menor porcentual de patas (2,13; 2,08 vs 2,31%), cabeça (3,99; 4… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
3
2

Citation Types

0
1
0
15

Year Published

2005
2005
2018
2018

Publication Types

Select...
7

Relationship

0
7

Authors

Journals

citations
Cited by 15 publications
(16 citation statements)
references
References 3 publications
(6 reference statements)
0
1
0
15
Order By: Relevance
“…Os valores para o peso da carcaça fria estão de acordo com os encontrados na literatura, que variam de 179,9 a 246,2 kg (Mattos et al, 1997;Franzolin & Silva, 2001;Vaz et al, 2003;Rodrigues et al, 2003;Calixto, 2004).…”
Section: Resultsunclassified
See 2 more Smart Citations
“…Os valores para o peso da carcaça fria estão de acordo com os encontrados na literatura, que variam de 179,9 a 246,2 kg (Mattos et al, 1997;Franzolin & Silva, 2001;Vaz et al, 2003;Rodrigues et al, 2003;Calixto, 2004).…”
Section: Resultsunclassified
“…Calixto (2004) observou variações de 40,1 a 47,4 kg para peso de dianteiro e de 55,63 a 65,10 kg para peso de serrote, enquanto Mattos et al (1997) relataram variações de 94,83 a 102,71 kg para peso do Tabela 2 -Médias e equações de regressão para peso de abate (kg), peso da carcaça fria (kg), ganho peso (kg), peso e rendimento de cortes primários de bubalinos Murrah castrados abatidos em diferentes períodos de confinamento Quanto ao rendimento dos cortes primários, apenas o dianteiro e o traseiro total apresentaram efeito cúbico (Tabela 2). O rendimento desses dois cortes teve comportamento de crescimento oposto durante os períodos de confinamento estudados (Figura 1); aos 150 dias de confinamento, observou-se queda no rendimento de dianteiro e aumento no rendimento de traseiro total, o que, segundo Rodrigues et al (2003), ocorre porque a supressão dos testículos acarreta regressão dos caracteres sexuais secundários, ocasionando menor desenvolvimento do quarto dianteiro (cabeça, pescoço, acém e peito) e, conseqüentemente, maior rendimento do traseiro total.…”
Section: Resultsunclassified
See 1 more Smart Citation
“…Diferente do peso de traseiro especial, que não resultou em maior percentagem desse corte, o maior peso de dianteiro dos não castrados originou maior rendimento desse corte em relação aos três grupos de castração (P<0,05). Resultados similares que apontam para maior peso de cortes primários em animais não castrados estão relatados na literatura (16,17,1) . Restle et al (15) observaram que mestiços Charolês x Nelore castrados à faca ou com burdizzo foram inferiores aos não castrados no rendimento de dianteiro (38,2 contra 40,8%), compensando com maiores percentuais de ponta de agulha (13,7 contra 12,9%) e de traseiro especial (48,0 contra 46,2%).…”
Section: Resultsunclassified
“…Na determinação de rendimentos de abate e carcaça de animais confinados, bovinos e búfalos Mediterrâneo, Rodrigues et al (2003) concluíram que estes apresentam menor rendimento de carcaça, devido à maior proporção de cabeça, patas, couro e vísceras, com maior proporção do corte traseiro. Rao et al (2009) No Sistema Tradicional, os animais foram alimentados, exclusivamente, com pastagem de quicuio-da-amazônia (Brachiaria humidicola), em dois piquetes, com cercas perimetrais e divisórias eletrificadas, acesso a água para bebida e sal mineral, ad libitum.…”
Section: Introductionunclassified