2017
DOI: 10.5935/0103-4014.20180037
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

O ensino da Geografia como prática espacial de significação

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1

Citation Types

1
1
0
29

Year Published

2019
2019
2023
2023

Publication Types

Select...
6
1

Relationship

0
7

Authors

Journals

citations
Cited by 23 publications
(31 citation statements)
references
References 0 publications
1
1
0
29
Order By: Relevance
“…Por quê?) nem sempre é explorado e prevalece o ensino de conteúdos de forma isolada e fragmentada, muitas vezes, sem contextualização com o cotidiano dos estudantes (STRAFORINI, 2018). Isso se dá, particularmente, entre os sujeitos que se encontram em fase inicial de carreira docente.…”
Section: O Jogo De Escalas No Ensino De Geografiaunclassified
“…Por quê?) nem sempre é explorado e prevalece o ensino de conteúdos de forma isolada e fragmentada, muitas vezes, sem contextualização com o cotidiano dos estudantes (STRAFORINI, 2018). Isso se dá, particularmente, entre os sujeitos que se encontram em fase inicial de carreira docente.…”
Section: O Jogo De Escalas No Ensino De Geografiaunclassified
“…Na contramão, já não se admite mais que essa área do conhecimento seja tratada de maneira positivista como um arcabouço de informações estáticas, desconexas à realizada, a serem memorizadas, como aconteceu nas primeiras escolas da Geografia (STRAFORINI, 2018). Há uma urgente necessidade de protagonização de uma Geografia escolar crítica, na qual os conhecimentos trabalhados nessa disciplina estejam articulados com o contexto sociocultural, político e econômico, tendo em vista que se trata de uma ciência do vivido, com conhecimentos que dizem respeito ao cotidiano de vida dos alunos (FIALHO; MACHADO; SALES, 2014).…”
Section: Introductionunclassified
“…Ressaltamos que o rio Doce foi o fio condutor do nosso projeto, mas diante da importância em se promover um debate sobre as questões ambientais e a hidrografia brasileira, optamos por incluir no trabalho rios presentes no espaço urbano da cidade do Rio de Janeiro, o que pode causar certo estranhamento aos alunos, por não estarem acostumados a dar atenção aos rios das grandes cidades. Rios, como o Maracanã, são próximos ao local de moradia de alguns alunos, sendo fundamental sua inserção no trabalho de modo que o conteúdo geográfico esteja associado ao cotidiano, ao lugar, ao vivido e à realidade dos discentes (FERREIRA, 2012;STRAFORINI, 2018).…”
Section: Introductionunclassified
“…De acordo com Cavalcanti (2002) é importante destacar para os discentes a relevância social do conteúdo geográfico, buscando conferir a ele um sentido ético e político. Em Straforini (2018), um dos processos para que os docentes possam trabalhar os conhecimentos geográficos refere-se ao desenvolvimento do pensamento geográfico junto aos alunos, valorizando conteúdos relacionados ao espaço vivido dos discentes. Nas aulas de Geografia apresentamos aos alunos as diversas relações entre sociedade e natureza e como elas são vivenciadas por nós, tanto na escala local como na global, a exemplo da inclusão na proposta pedagógica dos rios do Estado do Rio de Janeiro.…”
unclassified