2020
DOI: 10.33448/rsd-v9i10.8126
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Influências das interações Patógeno- Hospedeiro- Meio Ambiente nas funções Biológicas das plantas

Abstract: Objetivou-se com o presente trabalho apresentar a interação entre patógenos– hospedeiro –ambiente, e os principais aspectos envolvidos no mecanismo de defesa de plantas contra o ataque de patógenos, evidenciando algumas doenças causadas pelos patógenos. A pesquisa trata-se de revisão bibliográfica realizada em artigos, livros, teses, dissertações e monografias desde os anos de 1982 a 2020, na língua inglesa e portuguesa. Para elaboração do manuscrito foram utilizadas as bases de sites de SciELO, Google acadêmi… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1

Citation Types

0
0
0
1

Year Published

2020
2020
2020
2020

Publication Types

Select...
1

Relationship

0
1

Authors

Journals

citations
Cited by 1 publication
(1 citation statement)
references
References 26 publications
(17 reference statements)
0
0
0
1
Order By: Relevance
“…O desenvolvimento de doenças em plantas ocorre devido ao desequilíbrio na interação patógeno, hospedeiro e meio ambiente. Os patógenos são organismos que incitam ou causam os processos de doenças no hospedeiro, devido as interferências causadas nas funções fisiológicas internas da planta (Leite et al, 2020). Nesse contexto, o controle de patógenos veiculados pelo solo, como é o caso de P. plurivora, é uma tarefa difícil, pois o solo é um ambiente complexo, onde medidas de controle da doença têm sua eficiência bastante prejudicada ou sua aplicação dificultada (Bedendo, 2011).…”
Section: Introductionunclassified
“…O desenvolvimento de doenças em plantas ocorre devido ao desequilíbrio na interação patógeno, hospedeiro e meio ambiente. Os patógenos são organismos que incitam ou causam os processos de doenças no hospedeiro, devido as interferências causadas nas funções fisiológicas internas da planta (Leite et al, 2020). Nesse contexto, o controle de patógenos veiculados pelo solo, como é o caso de P. plurivora, é uma tarefa difícil, pois o solo é um ambiente complexo, onde medidas de controle da doença têm sua eficiência bastante prejudicada ou sua aplicação dificultada (Bedendo, 2011).…”
Section: Introductionunclassified