DOI: 10.11606/t.47.2008.tde-28042009-090554
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Império do amor romântico: diferenças culturais e sexuais em casais de noivos no Brasil e na Itália.

Abstract: Gráfico do perfil das médias para o estilo de apego Seguro, com IC 2 Gráfico do perfil das médias para o estilo de apego Rejeitador, com IC 3 Gráfico do perfil das médias para o estilo de apego Medroso, com IC 4 Gráfico do Perfil das médias para o estilo de apego Preocupado, com IC 5 Distribuição dos escores de crença no amor romântico, para homens e mulheres, no Brasil 6 Distribuição dos escores de crença no amor romântico, para homens e mulheres, na Itália 7 Gráfico do perfil das médias para a crença românti… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1

Citation Types

0
0
0
3

Publication Types

Select...
3

Relationship

0
3

Authors

Journals

citations
Cited by 3 publications
(3 citation statements)
references
References 35 publications
(53 reference statements)
0
0
0
3
Order By: Relevance
“…Assim, há uma correspondência parcial entre o que os pesquisadores americanos consideram como qualidade conjugal e o que os entrevistados reportaram neste estudo. Esse resultado é amparado por outras pesquisas que compararam a satisfação conjugal brasileira com outras culturas, demonstrando que a conjugalidade possui certos aspectos universais, como a sexualidade (Barbosa, 2008;Heiman et al, 2011).…”
Section: Discussionunclassified
“…Assim, há uma correspondência parcial entre o que os pesquisadores americanos consideram como qualidade conjugal e o que os entrevistados reportaram neste estudo. Esse resultado é amparado por outras pesquisas que compararam a satisfação conjugal brasileira com outras culturas, demonstrando que a conjugalidade possui certos aspectos universais, como a sexualidade (Barbosa, 2008;Heiman et al, 2011).…”
Section: Discussionunclassified
“…Eles formularam quatro frases que levaram em consideração o modelo interno do pró-prio indivíduo e o modelo interno do outro, ideia proposta pelo próprio John Bowlby durante a elaboração da teoria do Apego (Bartholomew & Horowitz, 1991;Varella, 2007). Além disso, esse trabalho desmembra o estilo evitativo anteriormente proposto para infantes em: evitativo medroso e evitativo rejeitador, resultando em quatro estilos de apego (Barbosa, 2008), o que se aproxima mais da proposta de Main e Solomon (1986) quanto à classificação dos estilos de apego.…”
Section: Teoria Do Apegounclassified
“…PerCursos depoimentos de três jovens que se enquadram no perfil e são alvos das ações e do universo com que tive contato.Todos eles são maiores de 18 anos e estão contando suas próprias histórias15 . O filme tem como cenários três festas do Rio de Janeiro, desde Copacabana [área nobre] até a noite de Madureira [no subúrbio], passando pela Parada do Orgulho LGBT do Município de Niterói [região metropolitana], onde os três meninos, Giul 16 , Caio 17 e Daniel 18 , cada um à sua maneira, mostram suas festas preferidas, contam como a família descobriu sobre sua sexualidade, como é a vida entre os amigos e nas suas comunidades/vizinhança.PerCursosDessa maneira, a leitura de Manuel deCastells (1999) feita por Débora ReginaBarbosa (2008) concentra sua atenção e análise "na família e no patriarcalismo e em como estes permeiam, organizam e dominam a cultura e os comportamentos nas sociedades ocidentais"(CASTELLS apud. BARBOSA, 2008, p.10).…”
unclassified