1999
DOI: 10.1590/s1516-44461999000500002 View full text |Buy / Rent full text
|
|

Abstract: ResumoA formulação de políticas em saúde mental depende essencialmente de informações a respeito da freqüência e distribuição dos transtornos depressivos. Nos últimos 15 anos, pesquisas de base populacional em epidemiologia psiquiátrica têm sido conduzidas, gerando conhecimento detalhado sobre a freqüência, fatores de risco, incapacidade social, e uso de serviços de saúde. Neste artigo, dados sobre a epidemiologia da depressão são discutidos, a partir de resultados de recentes pesquisas populacionais: o estudo… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance
Select...
1
1
0
22
1
69

Year Published

2004
2004
2010
2010

Publication Types

Select...
3

Relationship

0
3

Authors

Journals

0
22
1
69
Order By: Relevance
“…Este dado é importante para os estudos visto que, segundo Bleichmar (1983), o conteúdo do pensamento do depressivo está fixado na representação de um desejo como algo irrealizável, o qual determina o retardo ou a quase anulação, da ideação, da percepção, da motilidade e das manifestações afetivas a que eles estão sujeitos. Também Lima (1999) preender como, do ponto de vista teórico, a constân-cia absoluta de violeta associada ao aumento da cor verde pode ser significativa para a caracterização da depressão no Pfister. No que concerne ao aspecto formal, foram obtidos valores significativos de formações cortadas ou decepadas -pirâmides nas quais o branco ou tonalidades esbranquiçadas forma uma camada da pirâmide -e de formações estratificadas tendendo a estruturas.…”
Section: Resultsunclassified
See 2 more Smart Citations
Create an account to read the remaining citation statements from this report. You will also get access to:
  • Search over 1.2b+ citation statments to see what is being said about any topic in the research literature
  • Advanced Search to find publications that support or contrast your research
  • Citation reports and visualizations to easily see what publications are saying about each other
  • Browser extension to see Smart Citations wherever you read research
  • Dashboards to evaluate and keep track of groups of publications
  • Alerts to stay on top of citations as they happen
  • Automated reference checks to make sure you are citing reliable research in your manuscripts
  • 7 day free preview of our premium features.

Trusted by researchers and organizations around the world

Over 130,000 students researchers, and industry experts at use scite

See what students are saying

rupbmjkragerfmgwileyiopcupepmcmbcthiemesagefrontiersapsiucrarxivemeralduhksmucshluniversity-of-gavle
“…Este dado é importante para os estudos visto que, segundo Bleichmar (1983), o conteúdo do pensamento do depressivo está fixado na representação de um desejo como algo irrealizável, o qual determina o retardo ou a quase anulação, da ideação, da percepção, da motilidade e das manifestações afetivas a que eles estão sujeitos. Também Lima (1999) preender como, do ponto de vista teórico, a constân-cia absoluta de violeta associada ao aumento da cor verde pode ser significativa para a caracterização da depressão no Pfister. No que concerne ao aspecto formal, foram obtidos valores significativos de formações cortadas ou decepadas -pirâmides nas quais o branco ou tonalidades esbranquiçadas forma uma camada da pirâmide -e de formações estratificadas tendendo a estruturas.…”
Section: Resultsunclassified
“…Há alguns fatores que podem explicar esse aumento como, por exemplo, a exigência do mundo de hoje que cultiva apenas a produção e a eficácia, esquecendo o ser humano (Berlinck & Fedida, 2000); alterações das condições de vida dos indivíduos que impõem esforços enormes a cada pessoa (Nuber, 1991) e o contato com a dura realidade que faz com que o indivíduo, para se proteger desse contato tão frustrante e ameaçador, desenvolva a depressão como recurso de autodefesa (Estevão, 1997). Lima (1999), apoiado em pesquisas de base populacional em epidemiologia psiquiátrica, constatou que os índices de depressão maior e distimia, bem como outros transtornos depressivos, são altos independentes do lugar onde a pesquisa foi conduzida, do tipo de instrumento diagnóstico u sado e dos perí-odos de tempo para os quais a prevalência se aplica. Afirma ainda que a depressão é mais comum entre mulheres, pessoas divorciadas ou separadas, que vivem sozinhas, que possuem baixo nível de escolaridade e renda, desempregados e moradores de zonas urbanas.…”
unclassified
See 1 more Smart Citation
“…Estimativas de esquizofrenia na população em geral situam-se em torno de 1% 4 e os transtornos bipolares atingem de 3% a 6% da população 5 . Há relatos de prevalência de depressão de cerca de 10% em Porto Alegre, 13% nos Estados Unidos e 10% na Grã-Bretanha 6 . Os transtornos associados à dependência de álcool e drogas atingem 6% 7 a 14% 8 e 12% 7 , respectivamente, e os transtornos de ansiedade generalizada são encontrados em 11% de idosos 9 .…”
Section: Mental Health Services; Health Services Evaluation; Psycholounclassified
“…O Estudo da Área de Captação Epidemiológica do Instituto Nacional de Saúde Mental (ECA), nos Estados Unidos, foi a primeira grande pesquisa epidemiológica, de base populacional, com uma amostra total de cerca de 20 mil pessoas (Eaton et al, 1989;Lima, 1999). Os achados indicam que um quarto das pessoas, em algum momento de sua vida, apresentam algum transtorno de ansiedade, de acordo com os critérios do DSM-III (Lima, 1999).…”
unclassified