2010
DOI: 10.1590/s0102-69922010000300007
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Diversidade cultural, patrimônio cultural material e cultura popular: a Unesco e a construção de um universalismo global

Abstract: Resumo: Este artigo procura situar o advento e a operacionalização de uma formação discursiva responsável pela emergência de um novo universalismo global. Tal universalismo traz como imperativo ético-moral a defesa e a promoção de valores como a diversidade cultural. Para compreender as implicações polí-ticas e culturais desse universalismo, este trabalho elege como eixo empírico a atuação da Organização das Nações Unidas Para Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), destacando as ações dessa organização na c… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1

Citation Types

0
1
0
2

Year Published

2015
2015
2023
2023

Publication Types

Select...
5

Relationship

0
5

Authors

Journals

citations
Cited by 7 publications
(3 citation statements)
references
References 1 publication
0
1
0
2
Order By: Relevance
“…Desde o fim da década de 1980, as entidades do sistema, com destaque para a Unesco, têm o divulgado e defendido como parte de um repertório discursivo mais amplo que procura conciliar cultura e desenvolvimento (Alves, 2011). Através de todo um conjunto de orientações técnicas e normativas para elaboração, execução e avaliação de políticas, programas de capacitação profissional, projetos de campo, fundos de assistência financeira e, sobretudo, convenções que criam compromissos jurídicos entre os países signatários, a ONU contribui de forma decisiva para a consagração internacional do modelo turístico-cultural e, sobretudo, para o seu enraizamento na pauta de governos nacionais, regionais e locais pelo mundo todo (Alves, 2010;Alves, 2011;Alves e Couto, 2019).…”
Section: A Rede Internacional Das Políticas Turístico-culturais De Re...unclassified
See 1 more Smart Citation
“…Desde o fim da década de 1980, as entidades do sistema, com destaque para a Unesco, têm o divulgado e defendido como parte de um repertório discursivo mais amplo que procura conciliar cultura e desenvolvimento (Alves, 2011). Através de todo um conjunto de orientações técnicas e normativas para elaboração, execução e avaliação de políticas, programas de capacitação profissional, projetos de campo, fundos de assistência financeira e, sobretudo, convenções que criam compromissos jurídicos entre os países signatários, a ONU contribui de forma decisiva para a consagração internacional do modelo turístico-cultural e, sobretudo, para o seu enraizamento na pauta de governos nacionais, regionais e locais pelo mundo todo (Alves, 2010;Alves, 2011;Alves e Couto, 2019).…”
Section: A Rede Internacional Das Políticas Turístico-culturais De Re...unclassified
“…A partir dos anos 2000, essa função passa a ser desempenhada pela Organização das Nações Unidas, sobretudo, pela entidade para a Educação, a Ciência e a Cultura, a Unesco. Através de uma agenda que propõe a aliança entre cultura e desenvolvimento, a Unesco vai desempenhar papel central na propagação do modelo turístico-cultural de renovação pela Europa e por outros continentes (Alves, 2010;Alves e Couto, 2019).…”
unclassified
“…In this context, both traditional knowledge and religious beliefs and practices can have great influence. The adoption of actions that protect local diversity and identity is an important way of facing the globalized cultural consumption market -which brings with it the risks of homogenizing and standardizing symbolic universes and identity codes (Alves, 2010).…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%