2015
DOI: 10.1590/1807-57622014.0730
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Construindo saberes no trabalho em saúde mental: experiências de formação em saúde

Abstract: Trata-se de um relato de experiência de alunos e preceptores do PET-Saúde/ Redes, a partir de suas ações conjuntas em uma unidade de saúde. Destaca-se a construção do trabalho em equipe e a importância da soma de diferentes visões na construção de parcerias necessárias à efetivação do projeto. Como objetivo, pretende-se demonstrar como a participação neste PET influenciou na formação dos estudantes e profissionais envolvidos. Este estudo levanta questões sobre o trabalho interdisciplinar e o impacto na constru… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
2
1

Citation Types

0
0
0
9

Year Published

2018
2018
2022
2022

Publication Types

Select...
6
1

Relationship

0
7

Authors

Journals

citations
Cited by 8 publications
(9 citation statements)
references
References 7 publications
0
0
0
9
Order By: Relevance
“…(14) Agir com limites e disciplina são aspectos importantes dentro da dinâmica familiar e do desenvolvimento saudável da criança e adolescente, visto que proporcionam um relacionamento adequado e respeitoso para com os membros da família e da sociedade, principalmente no tocante aos valores e hábitos do contexto em que se encontram inseridos. (17) Os achados do estudo corroboram com pesquisa que (18 ) menciona a família como fonte de suporte ao desenvolvimento emocional saudável de seus integrantes quando consegue oferecer cuidado, carinho, atenção, diálogo, autonomia, limites e liberdade. Se uma criança constrói laços sociais, culturais e afetivos no ambiente familiar, acontece um fortalecimento enquanto pessoa, auxilia na resolução de conflitos, na convivência e adaptação à sociedade e nas mais diferentes situações que possam ser expostas ao longo de sua vida.…”
Section: Discussionunclassified
“…(14) Agir com limites e disciplina são aspectos importantes dentro da dinâmica familiar e do desenvolvimento saudável da criança e adolescente, visto que proporcionam um relacionamento adequado e respeitoso para com os membros da família e da sociedade, principalmente no tocante aos valores e hábitos do contexto em que se encontram inseridos. (17) Os achados do estudo corroboram com pesquisa que (18 ) menciona a família como fonte de suporte ao desenvolvimento emocional saudável de seus integrantes quando consegue oferecer cuidado, carinho, atenção, diálogo, autonomia, limites e liberdade. Se uma criança constrói laços sociais, culturais e afetivos no ambiente familiar, acontece um fortalecimento enquanto pessoa, auxilia na resolução de conflitos, na convivência e adaptação à sociedade e nas mais diferentes situações que possam ser expostas ao longo de sua vida.…”
Section: Discussionunclassified
“…Esses profissionais também procuram cursos de pós-graduação ou de atualização como forma de capacitação para o trabalho na atenção psicossocial. A não realização desses cursos pode ter inúmeros fatores envolvidos, desde a falta de interesse até mesmo a dificuldade na oferta pelas instituições de ensino (6) .…”
Section: Discussionunclassified
“…O rompimento com a lógica de assistência centrada na biomedicina e na doença, requer a reinvenção do fazer pelas próprias equipes de saúde a fim de destituir a ideia de loucura e investir nas potencialidades da pessoa. 1 Neste sentido, o Rio Grande do Sul foi o primeiro estado brasileiro a criar a lei 9.716 em 1992 que regulamenta reforma psiquiátrica e, somente em 8 de abril de 2001 foi sancionada a lei 10.206, que passa a regulamentar os serviços substitutivos ao modelo asilar em todo Brasil. 2 Com a nova política nacional de saúde mental, os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) foram regulamentados como serviços substitutivos ao modelo manicomial, estratégicos para concretizar o modo psicossocial de cuidado.…”
Section: Introductionunclassified