2018
DOI: 10.1590/s0104-12902018170489 View full text |Buy / Rent full text
|
|

Abstract: Resumo Este artigo analisa as concepções de humanização do parto e nascimento presentes nas teses e dissertações brasileiras, expondo de que modo essas concepções estão vinculadas à defesa de um novo modelo de assistência em oposição às práticas da obstetrícia moderna preponderantes no país. São estudadas quatro dissertações e sete teses, apresentadas de 1997 a 2012, representativas dos principais centros de pesquisa sobre o tema e realizadas por pesquisadoras com trajetória acadêmica e profissional vinculada … Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance
0
0
0
0
0
0
1
0
5

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals