2004
DOI: 10.1590/s0103-40142004000300011
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

A presença religiosa brasileira no exterior: o caso da Igreja Universal do Reino de Deus

Abstract: STE TEXTO VERSA sobre o pentecostalismo brasileiro transnacional, tomando como foco de observação e análise da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD). Por pentecostalismo brasileiro transnacional entendo as igrejas do segmento pentecostal que a) surgiram no Brasil e foram fundadas por brasileiros; b) incorporaram em seus ritos e doutrina elementos da religiosidade popular, notadamente a crença em forças invisíveis que interferem no cotidiano, entre elas a crença no poder de satanás; c) empreenderam uma inser… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1
1
1

Citation Types

0
4
0
16

Year Published

2014
2014
2022
2022

Publication Types

Select...
7

Relationship

0
7

Authors

Journals

citations
Cited by 19 publications
(20 citation statements)
references
References 2 publications
0
4
0
16
Order By: Relevance
“…No bojo de uma miríade de transformações verificadas nas últimas três décadas -globalização, liberalização econômica, evolução das tecnologias de comunicação e transportes, fortalecimento de redes transnacionais -, Pinheiro e Milani (2012) apontam uma demanda reprimida por participação em questões nacionais, a qual começa a ser satisfeita a partir da ampliação da atuação de uma diversidade de atores agora envolvidos em assuntos internacionais, a exemplo de empresas, organizações não governamentais, movimentos sociais e até mesmo igrejas evangélicas (Oro, 2004). Essa abertura tem, por suposto, reflexos no campo da política externa propriamente dita, verificados a partir de uma maior competição por formulação, execução e controle de parte de órgãos do Executivo Federal tradicionalmente dedicados a temas internos, como Saúde e Meio Ambiente (Pinheiro;Milani, 2012); mas também por um maior interesse do Legislativo em temas externos, contrariando a clássica tese da abdicação parlamentar quanto a assuntos externos (Lima, Santos, 2001); e mesmo do Poder Judiciário, o qual, como afirmam Couto (2004) e Leão (2011), tem se tornado um ator importante para o processo de formulação da política externa, atuando, principalmente, durante o processo de implementação da mesma e por meio da revisão judicial, tal como apontado pela análise quantitativa da jurisprudência recente do STF.…”
Section: Promoção Da Democracia E Peb: Mudanças Possibilidades E Limunclassified
“…No bojo de uma miríade de transformações verificadas nas últimas três décadas -globalização, liberalização econômica, evolução das tecnologias de comunicação e transportes, fortalecimento de redes transnacionais -, Pinheiro e Milani (2012) apontam uma demanda reprimida por participação em questões nacionais, a qual começa a ser satisfeita a partir da ampliação da atuação de uma diversidade de atores agora envolvidos em assuntos internacionais, a exemplo de empresas, organizações não governamentais, movimentos sociais e até mesmo igrejas evangélicas (Oro, 2004). Essa abertura tem, por suposto, reflexos no campo da política externa propriamente dita, verificados a partir de uma maior competição por formulação, execução e controle de parte de órgãos do Executivo Federal tradicionalmente dedicados a temas internos, como Saúde e Meio Ambiente (Pinheiro;Milani, 2012); mas também por um maior interesse do Legislativo em temas externos, contrariando a clássica tese da abdicação parlamentar quanto a assuntos externos (Lima, Santos, 2001); e mesmo do Poder Judiciário, o qual, como afirmam Couto (2004) e Leão (2011), tem se tornado um ator importante para o processo de formulação da política externa, atuando, principalmente, durante o processo de implementação da mesma e por meio da revisão judicial, tal como apontado pela análise quantitativa da jurisprudência recente do STF.…”
Section: Promoção Da Democracia E Peb: Mudanças Possibilidades E Limunclassified
“…Começando pela África, a Namíbia é um país que até então não aparecia na literatura sobre a expansão internacional da IURD (Corten e Marshall-Fratani, 2001;Freston, 1999Freston, , 2003Freston, , 2005Mafra, 2003;Oro, 2004;Oro et al, 2003 , organizada em dezembro de 2009, e que reuniu inicialmente 17 mulheres, soltei-ras e casadas, que buscavam compartilhar os valores da "essência feminina", supostamente programados por Deus desde a criação, valores que estariam corrompidos pelos ideais do mundo. Segundo as líderes do movimento, a deterioração propiciada pelo mundo é representada atualmente pelo "modelo hollywoodiano", que implicaria a exposição do corpo, defesa de valores consumistas e criação de tendências de moda ruins.…”
Section: A Iurd Na Namíbiaunclassified
“…Contudo, alcançar um público nativo fazendo uso do inglês e da liderança de africanos foi uma realidade obtida em curto prazo (Freston, 2005). Sendo bem recebida como uma igreja que trazia um "imaginário" de mobilidade social e integração racial muito desejado pelos africanos (ideal considerado uma proposta de "renascimento" para a África [Oro, 2004], facilitando a implantação), a IURD também ofereceu suporte e reforço moral (Freston, 2005). De um lado, funcionou como um consolo para pessoas frustradas com as condições sociais; de outro, motivou aqueles que visavam aproveitar as novas oportunidades que surgiam.…”
Section: A Iurd Na áFrica Do Sulunclassified
“…New Pentecostal churches have shown an extraordinary capacity to adapt to local cultures, even to the typical psychological dispositions of local people, such as in Argentina, where belief in deities and ghosts was not so significant [24].…”
Section: The Religion Of the Individualmentioning
confidence: 99%