volume 38, issue 138, P117-132 2016
DOI: 10.1590/es0101-73302016139962
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: RESUMO: O artigo trata da historiografia do movimento educacional brasileiro entre 1920 e 30, especialmente acerca da formação docente. Por um lado, discute a relevância do Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (ISERJ) para entender o período e o tema. Sugere que essa instituição foi marcada por transformações na memória do movimento educacional nos anos 1920 e 30. Por outro lado, aborda o significado das atuais discussões sobre a formação de professores para as interpretações a respeito do ISERJ. P…

Expand abstract