2017
DOI: 10.5380/ce.v22i2.49989
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Terapia Intravenosa Em Idosos Hospitalizados: Avaliação De Cuidados

Abstract: Objetivou-se avaliar os cuidados de enfermagem na terapia intravenosa periférica em idosos internados ou em observação em um hospital-escola do sul do Brasil, nos meses de agosto e setembro de 2016. Pesquisa de natureza quantitativa prospectiva, avaliando as medidas de prevenção de infecção na terapia intravenosa, por meio de instrumento baseado nas recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Participaram do estudo 80 pacientes com idade média de 70,7 anos, sendo 51 (63,7%) do sexo masculino. A … Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1
1
1

Citation Types

0
0
0
9

Year Published

2020
2020
2022
2022

Publication Types

Select...
5

Relationship

0
5

Authors

Journals

citations
Cited by 6 publications
(9 citation statements)
references
References 9 publications
0
0
0
9
Order By: Relevance
“…No que se refere a faixa etária dos pacientes, dentre os nove (9) anos analisados, tem-se que em oito (8) a faixa etária dos 60 aos 80 anos é a mais acometida por infecções nosocomiais, sendo em cinco (5) desses anos a faixa dos 60 aos 70 anos a mais prevalente. Esses dados encontram respaldo na literatura, que aponta que a idade avançada é um fator de risco para desenvolvimento de infecções nosocomiais (Rós et al, 2017).…”
Section: Resultsunclassified
“…No que se refere a faixa etária dos pacientes, dentre os nove (9) anos analisados, tem-se que em oito (8) a faixa etária dos 60 aos 80 anos é a mais acometida por infecções nosocomiais, sendo em cinco (5) desses anos a faixa dos 60 aos 70 anos a mais prevalente. Esses dados encontram respaldo na literatura, que aponta que a idade avançada é um fator de risco para desenvolvimento de infecções nosocomiais (Rós et al, 2017).…”
Section: Resultsunclassified
“…[13][14] Uma terapia infusional efetiva e segura, representa qualidade na assistência, exigindo do enfermeiro conhecimentos e habilidades, além de requerer que o mesmo analise a qualificação da equipe de enfermagem, quanto a dificuldade e tempo requeridos para manutenção e substituição do dispositivo. [14][15][16] No que diz respeito à venopunção no idoso é importante selecionar o sítio para inserção dos cateteres, considerando as alterações do sistema tegumentar e vascular, o tipo de duração do tratamento, pois com o envelhecimento há perda de tecido subcutâneo, ressecamento, flacidez e afinamento da pele, além do endurecimento e espessamento das estruturas vasculares. [14][15][16] Na prática da terapia intravenosa, cabe ao enfermeiro avaliar as condições fisiológicas e anatômicas do idoso, frente à possibilidade de cateterismo venoso periférico.…”
Section: Discussionunclassified
“…Entrementes, os estudos apontam para a taxa mais encontrada de 7,5% chegando até 67,7%, mais do que dez vezes o recomendado e tolerável para esse dispositivo. Essas taxas refletem a baixa adesão pelos profissionais de saúde das melhores práticas recomendadas resultando assim em um cuidado inseguro e de baixa qualidade 5,[15][16][17] .…”
Section: Ocorrência De Eas Relacionados Com O Uso De Cvpunclassified
“…Os estudos demonstraram a identificação de fatores de risco considerados modificáveis e sensíveis aos cuidados de enfermagem. No geral, os fatores identificados são passíveis de mitigação através da adoção de práticas de enfermagem alinhadas com as melhores evidências para essa prática 3,16,17 .…”
Section: Fatores De Risco Relacionados à Ocorrência De Eaunclassified