volume 36, issue 1, P133-156 2021
DOI: 10.1590/s0102-6992-202136010007
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share
Neiva Furlin

Abstract: Resumo Nas últimas décadas, as desigualdades de gênero foram reconhecidas como um problema social a ser enfrentado pelos governos nacionais, por meio de políticas públicas com transversalidade de gênero, em todos os setores estatais. O presente artigo tem por objetivo analisar as políticas educacionais com perspectiva de gênero promovidas pelos Estados brasileiro e chileno, no governo de Dilma Rousseff e Michelle Bachelet, identificando avanços, especificidades, desafios e disputas políticas protagonizadas com…

Expand abstract