1999
DOI: 10.1590/s0100-84041999000500009
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Flooding effects in seedlings of Cytharexyllum myrianthum Cham. and Genipa americana L.: responses of two neotropical lowland tree species

Abstract: -(Flooding effects in seedlings of Cytharexyllum myrianthum Cham. and Genipa americana L.: responses of two neotropical lowland tree species). Six-month-old seedlings of Cytharexyllum myrianthum and Genipa americana, two common tree species in different flood-prone areas in Brazil, were flooded for up to 90 days to compare their survival and growth responses under these conditions. Seedlings of both species were found to be relatively tolerant to flooding but growth responses changed according to treatment and… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
4
1

Citation Types

2
9
0
14

Year Published

2003
2003
2020
2020

Publication Types

Select...
8

Relationship

0
8

Authors

Journals

citations
Cited by 31 publications
(26 citation statements)
references
References 13 publications
2
9
0
14
Order By: Relevance
“…Efeitos discretos do alagamento sobre o crescimento e desenvolvimento de plantas, como o observado e C. pachystachya já foram observados em alguns estudos com outras espécies que ocorrem em locais sujeitos ao alagamento, por exemplo, em Tabebuia avellanedae não foi observado redução na massa seca das folhas, somente de raiz e de caule (Davanso et al 2002). No entanto, a maioria das espécies neotropicais tolerantes tem apresentado significativa redução do crescimento da planta como (Davanso-Fabro et al 1998), em Cytharexyllum myrianthum (Andrade et al 1999) e em Anona glabra (Mielke et al 2005), são raras as espécies tolerantes estudadas que não apresentaram redução do crescimento das raízes quando alagadas.…”
Section: Discussionunclassified
“…Efeitos discretos do alagamento sobre o crescimento e desenvolvimento de plantas, como o observado e C. pachystachya já foram observados em alguns estudos com outras espécies que ocorrem em locais sujeitos ao alagamento, por exemplo, em Tabebuia avellanedae não foi observado redução na massa seca das folhas, somente de raiz e de caule (Davanso et al 2002). No entanto, a maioria das espécies neotropicais tolerantes tem apresentado significativa redução do crescimento da planta como (Davanso-Fabro et al 1998), em Cytharexyllum myrianthum (Andrade et al 1999) e em Anona glabra (Mielke et al 2005), são raras as espécies tolerantes estudadas que não apresentaram redução do crescimento das raízes quando alagadas.…”
Section: Discussionunclassified
“…Neste estudo, verificou-se que o fator nutricional influenciou a ocorrência dessas estruturas em G. americana. Estes resultados contrastam com os de Andrade et al (1999) que não verificaram alterações morfológicas em plântulas alagadas nesta espécie. Medri et al (1998) estudando plantas alagadas de P. dubium (Spreng.)…”
Section: Discussionunclassified
“…De maneira diferente, em G. americana, verificou-se um alto investimento em biomassa para o desenvolvimento do sistema radicial, sendo que nos lotes desnutridos, o tratamento apresentou maior peso de matéria fresca da raiz quando comparado com o controle. A redução da matéria seca da raiz em função do alagamento é descrita em muitas espécies (Kozlowski 1984, Andrade et al 1999, mesmo com o surgimento de raízes adventícias, observa-se o decréscimo da biomassa do sistema radicial uma vez que o alagamento provoca a morte de muitas raízes. A contribuição em biomassa das raízes adventícias é relativamente pequena devido ao aerênquima e espaços intercelulares.…”
Section: Discussionunclassified
See 1 more Smart Citation
“…Dessa forma, plantas dos lotes nutridos apresentaram maior e mais rápida resposta de hipertrofia lenticelar quando comparadas aos lotes desnutridos, além do que, somente plantas nutridas expressaram raízes adventícias. Andrade et al (1999) também verificaram diferentes respostas de crescimento em função do tratamento e da espécie. Segundo Janiesch (1991), as respostas das raízes à anaerobiose são fortemente dependentes de um suprimento adequado de macro e micronutrientes, sem os quais são observadas alterações severas nas taxas de crescimento.…”
Section: Discussionunclassified