2015
DOI: 10.1590/1678-4162-8005
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: Acompanhou-se durante 15 meses um rebanho leiteiro, composto por diferentes graus de sangue Holandês-Zebu (HZ), em sistema semi-intensivo. Objetivou-se avaliar o comportamento longitudinal da contagem de células somáticas (CCS) e a influência da mastite subclínica (MS) na produção total e no pico de produção de leite de vacas mestiças HZ. Inicialmente, coletaram-se amostras de leite individual para análise microbiológica, a fim de identificar o perfil de patógenos causadores de mastite. Realizou-se mensalmente… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1

Citation Types

0
0
0
1

Year Published

2021
2021
2021
2021

Publication Types

Select...
1

Relationship

0
1

Authors

Journals

citations
Cited by 1 publication
(1 citation statement)
references
References 23 publications
(1 reference statement)
0
0
0
1
Order By: Relevance
“…Diferente da mastite clínica, a forma subclínica é caracterizada pela ausência dos sinais de inflamação, por acometer um número maior de animais, além de causar quedas na qualidade e na composição do leite. Segundo (Costa et al, 2015), a mastite subclínica acomete cerca de 20 a 50% das vacas em lactação.…”
Section: Mastite Subclínicaunclassified