2019
DOI: 10.36660/abc.20180370
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Doenças de Depósito como Diagnóstico Diferencial de Hipertrofia Ventricular Esquerda em Pacientes com Insuficiência Cardíaca e Função Sistólica Preservada

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
2

Citation Types

0
1
0
3

Year Published

2023
2023
2024
2024

Publication Types

Select...
2
2
1

Relationship

0
5

Authors

Journals

citations
Cited by 5 publications
(7 citation statements)
references
References 73 publications
0
1
0
3
Order By: Relevance
“…Na presença de insuficiência cardíaca esquerda, o sangue não é ejetado com eficiência, promovendo acúmulo sanguíneo no ventrículo esquerdo, com aumento de pressão, prejudicando assim a passagem de sangue do átrio para o ventrículo, acumulando sangue na região. Como consequência à falha do esvaziamento atrial, o sangue venoso que chega através das quatro veias pulmonares no átrio esquerdo não consegue vencer essa barreira de pressão e volume, gerando disfunção no retorno venoso pulmonar e congestão pulmonar (FERNANDES et al, 2019).…”
Section: Insuficiência Cardiaca Congestivaunclassified
See 1 more Smart Citation
“…Na presença de insuficiência cardíaca esquerda, o sangue não é ejetado com eficiência, promovendo acúmulo sanguíneo no ventrículo esquerdo, com aumento de pressão, prejudicando assim a passagem de sangue do átrio para o ventrículo, acumulando sangue na região. Como consequência à falha do esvaziamento atrial, o sangue venoso que chega através das quatro veias pulmonares no átrio esquerdo não consegue vencer essa barreira de pressão e volume, gerando disfunção no retorno venoso pulmonar e congestão pulmonar (FERNANDES et al, 2019).…”
Section: Insuficiência Cardiaca Congestivaunclassified
“…Esse quadro é evidenciado através de sintomas como dispneia aos esforços, tosse seca ou com secreção rosácea, dispneia paroxística noturna e edema agudo de pulmão. O edema agudo de pulmão tem como fisiopatologia o aumento da pressão hidrostática nos capilares pulmonares, dessa forma, há extravasamento de fluidos para os alvéolos e disfunção na hematose (FERNANDES et al, 2019).…”
Section: Insuficiência Cardiaca Congestivaunclassified
“…Quando o estresse oxidativo é gerado nas células cardíacas, ocorre uma patologia denominada cardiomiopatia. As espécies reativas de oxigênio em excesso promovem efeitos deletérios, apoptose dos cardiomiócitos, além de acúmulo de substâncias residuais da glicosilação, que podem gerar ativação do sistema neurohumoral, hipertrofia miocelular e fibrose miocárdica (FONSECA, 2019).…”
Section: Diabetes X Doenças Cardiovascularesunclassified
“…Outro ponto importante a ressaltar é que pacientes diabéticos apresentam elevada concentração da insulina plasmática, a qual provoca ativação do sistema nervoso simpático e maior retenção de sódio através da reabsorção nos túbulos renais (FONSECA, 2019). A hipernatremia promove reabsorção de água nos túbulos renais, provocando assim a elevação da pressão, além disso também promovem disfunção A hipertensão arterial aumenta a resistência que o coração precisa vencer para ejetar o sangue, conceito esse denominado pós-carga, e como consequência a isso, é necessário que durante a sístole ventricular o coração exerça maior força de contração do que o habitual (SANTOS et al, 2018).…”
Section: Diabetes X Doenças Cardiovascularesunclassified
“… 2 Estudos recente demonstraram uma prevalência de DF até 5% em pacientes que tinham como diagnóstico inicial CMH. 3 Após a introdução da terapia de reposição enzimática, a DF merece atenção especial no diagnóstico diferencial nos pacientes com hipertrofia ventricular inexplicada e CMH, pois é uma cardiopatia que apresenta tratamento específico, porém o diagnóstico e tratamento precoce são fundamentais para prevenir a progressão da doença reduzindo as taxas de eventos cardiovasculares. 4 - 6 …”
unclassified