2013
DOI: 10.1590/s0034-8910.2013047004664
| View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: OBJECTIVE:Investigate breeding sites with host snails and autochthonous human cases of schistosomiasis. METHODS:Between July 2010 and September 2012 were performed: (1) malacological survey searching for breeding sites, collection and identifi cation of Biomphalaria snails positive for Schistosoma mansoni in Recife, PE, Northeastern Brazil; (2) prevalence survey in 2,718 schoolchildren aged from seven to 14 years old to identify cases of schistosomiasis, clinical examination and ultrasound in positive cases of… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1
1
1

Citation Types

0
7
0
11

Year Published

2015
2015
2022
2022

Publication Types

Select...
4
3
1

Relationship

0
8

Authors

Journals

citations
Cited by 15 publications
(18 citation statements)
references
References 18 publications
0
7
0
11
Order By: Relevance
“…2016 mansoni. Na mesma ocasião, uma busca ativa realizada entre escolares residentes no entorno destes criadouros diagnosticou 14 crianças com esquistossomose, cinco delas comprovadamente casos autóctones, sendo uma delas usuária sistemática do açude (Barbosa et al, 2013).…”
Section: Rodrigo Moraes Loyo Et Alunclassified
See 1 more Smart Citation
“…2016 mansoni. Na mesma ocasião, uma busca ativa realizada entre escolares residentes no entorno destes criadouros diagnosticou 14 crianças com esquistossomose, cinco delas comprovadamente casos autóctones, sendo uma delas usuária sistemática do açude (Barbosa et al, 2013).…”
Section: Rodrigo Moraes Loyo Et Alunclassified
“…A cidade possui inúmeros criadouros do caramujo vetor da esquistossomose (Barbosa et al, 2013), mas ainda não se tem registro de vetores que eliminam as cercarias infectantes do parasito. Os achados desta pesquisa apontam potenciais riscos ambientais e biológicos para o estabelecimento do ciclo de transmissão do S. mansoni em Recife, o que demanda atuação urgente das autoridades de saúde no que se refere a medidas educativas e ao tratamento dos resíduos despejados pelas comunidades nos reservatórios dulciaquícolas desta cidade.…”
Section: Conclusãounclassified
“…Diferentes estudos, realizados em áreas litorâneas do estado, têm revelado mudança no perfil epidemioló-gico da esquistossomose, com a detecção de casos de infecção aguda e crônica nessas áreas. [16][17][18][19][20] O deslocamento de indivíduos infectados de áreas endêmicas para áreas consideradas sem transmissão, como as periferias das grandes cidades, e a ocupação humana dessas áreas de forma desorganizada, sob precárias condições -básicas -de higiene, saneamento e infraestrutura, contribuíram para a contaminação de ambientes aquáticos, criadouros de caramujos, pela presença de fezes contendo ovos de S. mansoni e, por conseguinte, o surgimento de novos focos da doença. 18 A redução na presença da doença no Estado é evidente ao se comparar os resultados deste estudo com inquéritos já realizados, referentes a estudos anteriores.…”
Section: Regional V Pernambucounclassified
“…Os dados gerados pelo SIG têm um papel importante no estudo da esquistossomose, especialmente no que diz respeito à interação da doença com as condições do meio ambiente 15 . O uso do SIG tem sido útil em pesquisas sobre a esquistossomose no Brasil, mapeando a ocorrência de casos humanos, de vetores e mostrando distúrbios ambientais em vários Estados: Bahia 15,16,17 ; Minas Gerais 18,19,20,21,22,23 e Pernambuco 6,7,24,25,26,27 .…”
Section: Introductionunclassified
“…Os dados gerados pelo SIG têm um papel importante no estudo da esquistossomose, especialmente no que diz respeito à interação da doença com as condições do meio ambiente 15 . O uso do SIG tem sido útil em pesquisas sobre a esquistossomose no Brasil, mapeando a ocorrência de casos humanos, de vetores e mostrando distúrbios ambientais em vários Estados: Bahia 15,16,17 ; Minas Gerais 18,19,20,21,22,23 e Pernambuco 6,7,24,25,26,27 .Diante do cenário acima exposto, esta pesquisa pretendeu estimar o risco à exposição e infecção pelo S. mansoni ao qual estariam expostos os turistas que visitam Porto de Galinhas e se hospedam nos hotéis e pousadas na localidade Merepe III no período da transmissão sazonal. Teve como objetivos específicos: (1) realizar mapeamento georreferenciado dos hotéis e pousadas existentes na localidade, destacando no mapa os criadouros e focos de caramujos vetores da esquistossomose; (2) construir mapas de Kernel para verificar a distância e influência dos criadouros e focos em relação aos locais de hospedagem; e (3) definir o risco espacial para exposição ou contaminação dos turistas.…”
unclassified