2016
DOI: 10.18310/2446-4813.2016v2n4p360-371
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Avaliação Da Mortalidade E Internações Por Condição Sensível À Atenção Primária Em Menores De 5 Anos, Antes E Durante O Programa Mais Médicos, No Marajó-Pará-Brasil

Abstract: ResumoObjetivou-se avaliar os indicadores de mortalidade e internações hospitalares por condição sensível à atenção primária (ICSAP) em crianças menores de 5 anos, entre 2011 a 2014/15 na região do Marajó-Pará-Brasil, período de implantação do Programa Mais Médicos em todos os municípios desta região, demonstrando a evolução da série histórica dos indicadores estudados.Os resultados indicaram que o PMMB foi potencialmente relevante para a redução das ICSAP e mortalidade na faixa etária estudada, especialmente … Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
3
1
1

Citation Types

2
0
0
14

Year Published

2018
2018
2022
2022

Publication Types

Select...
7

Relationship

0
7

Authors

Journals

citations
Cited by 9 publications
(16 citation statements)
references
References 8 publications
(10 reference statements)
2
0
0
14
Order By: Relevance
“…Quanto ao delineamento dos estudos, evidenciou-se uma predominância de estudos ecológicos (60%) (Pinto & Giovanella, 2018;Zarlotti et al, 2017;Santos et al, 2018;Pinto Jr et al, 2018a;Pinto Jr et al, 2018b;Arruda, Schmidt & Marcon, 2018;Arantes, Shimizu & Merchán-Hamman, 2018;Freitas et al, 2018;Araujo et al, 2017;Costa et al, 2017;Magalhães & Morais Neto, 2017;Morimoto & Costa, 2017;Pazó et al, 2017;Costa, Pinto Jr & Silva, 2017;Amorim et al, 2017;Resende & Barbieri, 2017;Costa et al, 2016;Brasil & Costa, 2016;Ceccon, Meneghel & Viecili, 2014;Rodrigues-Bastos et al, 2014;Rehem et al, 2013) seguido de estudo quantitativo ( Alves et al, 2018;Nunes, 2018;Gonçalves et al, 2016;Botelho & Portela, 2017) e estudo descritivo (Mariano & Nedel, 2018;Castro et al, 2015;Santos et al, 2015;Rodrigues-Bastos et al, 2013) com 11,43% cada. Estudo seccional (Souza et al, 2018;Pitilin et al, 2015) (5,71%) e estudos epidemiológico (Pereira et al, 2018), transversal (Cardoso et al, 2013), qualitativo (Rehem et al, 2016) e análise de tendência (Carneiro et al, 2016) apareceram com 2,85% de abordagem cada um.…”
Section: Resultsunclassified
See 2 more Smart Citations
“…Quanto ao delineamento dos estudos, evidenciou-se uma predominância de estudos ecológicos (60%) (Pinto & Giovanella, 2018;Zarlotti et al, 2017;Santos et al, 2018;Pinto Jr et al, 2018a;Pinto Jr et al, 2018b;Arruda, Schmidt & Marcon, 2018;Arantes, Shimizu & Merchán-Hamman, 2018;Freitas et al, 2018;Araujo et al, 2017;Costa et al, 2017;Magalhães & Morais Neto, 2017;Morimoto & Costa, 2017;Pazó et al, 2017;Costa, Pinto Jr & Silva, 2017;Amorim et al, 2017;Resende & Barbieri, 2017;Costa et al, 2016;Brasil & Costa, 2016;Ceccon, Meneghel & Viecili, 2014;Rodrigues-Bastos et al, 2014;Rehem et al, 2013) seguido de estudo quantitativo ( Alves et al, 2018;Nunes, 2018;Gonçalves et al, 2016;Botelho & Portela, 2017) e estudo descritivo (Mariano & Nedel, 2018;Castro et al, 2015;Santos et al, 2015;Rodrigues-Bastos et al, 2013) com 11,43% cada. Estudo seccional (Souza et al, 2018;Pitilin et al, 2015) (5,71%) e estudos epidemiológico (Pereira et al, 2018), transversal (Cardoso et al, 2013), qualitativo (Rehem et al, 2016) e análise de tendência (Carneiro et al, 2016) apareceram com 2,85% de abordagem cada um.…”
Section: Resultsunclassified
“…Dos objetivos descritos, 42,85% propuseram avaliar o indicador ICSAP associando-os à cobertura da ESF ( Pinto & Giovanella, 2018;Zarlotti et al, 2017;Pereira et al, 2018;Santos et al, 2018;Pinto Jr et al, 2018a;Arruda, Schmidt & Marcon, 2018;Arantes, Shimizu & Merchán-Hamman, 2018;Nunes, 2018;Freitas et al, 2018;Araújo et al, 2017;Resende & Barbieiri, 2017;Costa et al, 2016;Brasil & Costa, 2016;Ceccon, Meneghel & Viecili, 2014;Rodrigues-Bastos et al, 2014); 11,43% buscaram discutir gastos com saúde nessas internações (Pinto Jr et al, 2018b;Morimoto & Costa, 2017;Costa et al, 2016;Brasil & Costa, 2016); 5,71% estudaram o incremento do Programa Mais Médicos por meio deste indicador (Gonçalves et al, 2016;Carneiro et al, 2016); 2,85% investigou características das Unidades Básicas de Saúde associadas ao número de ICSAP (Araújo et al, 2017); 28,57% avaliaram as taxas de internações por causas sensíveis e suas causas (Alves et al, 2018;Mariano & Nedel, 2018;Costa et al, 2017;Magalhães & Morais Neto, 2017;Pazó et al, 2017;Botelho & Portela, 2017;Costa & Pinto Jr, Silva, 2017;Santos et al, 2015;Rehem et al, 2013;Rodrigues-Bastos et al, 2013). Nos demais estudos, 2,85% fizeram uma análise das hospitalizações em mulheres e seus fatores determinantes (Pitilin et al, 2015); discorreram sobre a relação entre a orientação do sistema para a atenção primária e as ICSAP em um hospital universitário (Souza et al, 2018); descreveram as hospitalizações em idosos…”
Section: Resultsunclassified
See 1 more Smart Citation
“…Relatos de experiências com fortalecimento do APS apoiados na expansão e consolidação da ESF contribuíram para a redução de hospitalizações e mortalidade em menores de cinco anos, demonstrando que o departamento possui não somente a garantia do direito à saúde, mas também a capacidade em desafogar os serviços hospitalares. 4 Outro empecilho no processo de trabalho é a realidade da invasão dos territórios da ESF. Os sujeitos entrevistados afirmaram ser comum a rede local de saúde ser invadida por outros municípios, inclusive de outros estados, como o Ceará (CE) e a Paraíba (PB).…”
Section: Resultsunclassified
“…O risco de morte e sequelas pode se desenvolver em decorrência das condições de nasci-mento, a exemplo do refluxo gastroesofágico, déficits visuais e auditivos, atrasos no desenvolvimento neuropsicomotor e paralisia cerebral, além de retinopatia e cegueira prevenível na infância, despertando a necessidade de avaliação do prognóstico e de acompanhamento mais preciso a longo prazo. 2,3 Nessa descrição, ressaltam-se, de um lado, os indicadores de mortalidade e internações hospitalares por condição sensível à atenção primária (ICSAP) em crianças menores de cinco anos, grupo prioritário para os programas de saúde do SUS 4 . De outro, cabem à Política Nacional de Atenção Básica algumas funções para contribuir com o funcionamento das redes de atenção à saúde.…”
Section: Introductionunclassified