2020
DOI: 10.1590/1980-54702020v26e0184
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

A Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva: a Problemática do Profissional de Apoio à Inclusão Escolar como um de seus Efeitos

Abstract: RESUMO: O profissional de apoio à inclusão escolar é a temática deste artigo. Seu objetivo é retomar e analisar a caracterização desse profissional com base nas orientações governamentais e nos documentos legais emanados logo após a publicação da Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva, a fim de compreender o que se espera desse agente e de sua formação no contexto da Educação Especial inclusiva delineado pela citada política. Para tanto, em relação ao desenvolvimento metodo… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1
1

Citation Types

0
0
0
3

Year Published

2021
2021
2023
2023

Publication Types

Select...
6

Relationship

1
5

Authors

Journals

citations
Cited by 12 publications
(3 citation statements)
references
References 7 publications
0
0
0
3
Order By: Relevance
“…Para compreensão da atuação dos Profissionais de apoio escolar durante o período de isolamento físico, decorrente da pandemia do COVID-19, foi necessário investigar também acerca de seus saberes e fazeres anteriores a este período. Conforme apontam pesquisadores da área, foram encontradas uma diversidade de nomenclaturas e formas de atuação deste profissional em diferentes localidades (LOPES, 2018;BEZERRA, 2020;QUEIROZ, 2020).…”
Section: Resultsunclassified
“…Para compreensão da atuação dos Profissionais de apoio escolar durante o período de isolamento físico, decorrente da pandemia do COVID-19, foi necessário investigar também acerca de seus saberes e fazeres anteriores a este período. Conforme apontam pesquisadores da área, foram encontradas uma diversidade de nomenclaturas e formas de atuação deste profissional em diferentes localidades (LOPES, 2018;BEZERRA, 2020;QUEIROZ, 2020).…”
Section: Resultsunclassified
“…Não há uma colaboração em que as duas partes tenham possibilidade de pensar no/para o aluno em um grau semelhante de conhecimento, preparação e de formação. Bezerra (2020) faz uma crítica aos governos que priorizam a contratação de profissionais com nível médio ou em formação, "difundindo a ideia de que, com a presença destes, todas as demandas da classe comum estariam satisfeitas do ponto de vista legal e pedagógico, em vez de investir no ensino colaborativo propriamente dito" (BEZERRA, 2020, p. 683). Destaca também que se Segundo Bardin (2016, p. 38), "a análise de conteúdo aparece como um conjunto de técnicas de análise das comunicações, que utiliza procedimentos sistemáticos e objetivos de descrição do conteúdo das mensagens".…”
Section: Revista Do Programa De Pós-graduação Em Educação Da Unochape...unclassified
“…Para que isso ocorra, é fundamental a participação de profissional com qualificação específica, uma vez que o processo educativo deve ser realizado tendo em vista os aspectos essenciais para a promoção da qualidade de vida da criança. Nesse sentido, a participação e o conhecimento do professor são requisitos necessários para definir os objetivos e o foco necessários, de acordo com as necessidades de cada aluno (Bezerra, 2020).…”
Section: Introductionunclassified