volume 23, issue 81, P299-306 2002
DOI: 10.1590/s0101-73302002008100016
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: ão é novidade para ninguém que a ciência transformou-se rapidamente em força produtiva no contexto da produção capitalista, principalmente a partir da segunda metade do século XIX, situação que se intensificou no decorrer do século XX e que, ao final deste, atinge um plano elevado e complexo, de tal forma que, hoje, com a automação e a utilização crescente da informática, o conhecimento tornou-se matéria vital para o processo de acumulação capitalista. Isto traz conseqüências importantes não apenas para a pro…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Citation Types

0
1
0
6

Paper Sections

0
0
0
0
0

Publication Types

0
0
0
0

Relationship

0
0

Authors

Journals