volume 23, issue 1, P37-56 2016
DOI: 10.1590/s0104-59702016000100004
View full text
|
|
Share

Abstract: Resumo Discute o aborto pelas perspectivas de mulheres internadas em uma maternidade pública de Salvador (BA). Enfatiza a observação participante do cotidiano do hospital e descreve trabalho de campo com técnicas de pesquisa qualitativa e quantitativa. Por perspectiva etnográfica, aborda a experiência hospitalar de mulheres diante da interrupção, voluntária ou não, da gravidez e apresenta o ponto de vista dos profissionais de saúde, argumentando que a forma pela qual a instituição estrutura a atenção ao aborto…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Citation Types

0
9
0
19

Paper Sections

0
0
0
0
0

Publication Types

0
0
0
0

Relationship

0
0

Authors

Journals