2010
DOI: 10.1590/s2236-89062010000100009
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: -(Floristic comparisons and taxonomy of the family Gesneriaceae from Itatiaia National Park, brazil). the family Gesneriaceae is composed by about 140 genera and 3,500 species. In brazil there are about 22 genera and 220 species. the Itatiaia National Park is an area with a great altitudinal variation, and, for consequence with a high diversity of vegetal formations, from moist forests to "campos". This paper is based on a bibliographic revision, analysis of herbarium material, field observations and collectio… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
2

Citation Types

0
2
0
4

Year Published

2012
2012
2020
2020

Publication Types

Select...
4

Relationship

3
1

Authors

Journals

citations
Cited by 7 publications
(3 citation statements)
references
References 3 publications
(3 reference statements)
0
2
0
4
Order By: Relevance
“…A representatividade do gênero Sinningia no PESP se justifica por ser um dos mais ricos da família, bem como o mais rico na flora nativa, com distribuição exclusiva na região Neotropical, concentrada, sobretudo, na Floresta Atlântica, onde ocorrem 64 das 67 espécies conhecidas para o Brasil (Araújo & Chautems 2012). Assim, freqüentemente Sinningia também é predominante entre as Gesneriaceae em outras áreas estudadas em Minas Gerais e estados limítrofes (Araújo et al 2005;Leoni et al 2005;Alves et al 2009, Barros et al 2010, Blaser et al 2011. No entanto a proporção encontrada no PESP em relação ao número total de espécies de Gesneriaceae registradas só é superada pela Serra da Pedra Branca, onde todas as cinco espécies ocorrentes pertencem a Sinningia (Rezende 2010).…”
Section: Resultsunclassified
See 1 more Smart Citation
“…A representatividade do gênero Sinningia no PESP se justifica por ser um dos mais ricos da família, bem como o mais rico na flora nativa, com distribuição exclusiva na região Neotropical, concentrada, sobretudo, na Floresta Atlântica, onde ocorrem 64 das 67 espécies conhecidas para o Brasil (Araújo & Chautems 2012). Assim, freqüentemente Sinningia também é predominante entre as Gesneriaceae em outras áreas estudadas em Minas Gerais e estados limítrofes (Araújo et al 2005;Leoni et al 2005;Alves et al 2009, Barros et al 2010, Blaser et al 2011. No entanto a proporção encontrada no PESP em relação ao número total de espécies de Gesneriaceae registradas só é superada pela Serra da Pedra Branca, onde todas as cinco espécies ocorrentes pertencem a Sinningia (Rezende 2010).…”
Section: Resultsunclassified
“…Santiago et al 382 (CESJ).Nematanthus fornix foi encontrada no PESP apenas acima dos 1800 m.s.m., em floresta ombrófila mista, como epífita, ou mais raramente, terrícola. Ocorre no Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e em São Paulo, sempre nas matas de altitude de 1000 m até acima de 2000m(Barros et al 2010;Araújo & Chautems 2012). Foi coletada com flores em dezembro.Seemannia Regel, Gartenflora 4: 183.…”
unclassified
“…A diversidade das espécies de Gesneriaceae encontradas na Serra Negra indica maior semelhança com os táxons desta família distribuídos na Cadeia do Espinhaço e na Serra do Brigadeiro, ao norte da área de estudo, do que com as espécies encontradas na Serra da Mantiqueira da qual a Serra Negra faz parte (Barros et al 2010). ou tuberoso; caule herbáceo ou lenhoso, ereto, escandente ou pendente.…”
Section: Resultsunclassified
“…In this context, some punctual studies about Gesneriaceae in the SM have been published (Leoni et al 2004(Leoni et al , 2005; Barros et al 2010;Blaser et al 2011Blaser et al , 2012Pereira et al 2013;Rossini et al 2017), although no broad evaluation has been performed to date. Throughout the decades, the family received more attention in morphological, taxonomical, and phylogenetic studies, however little attention was given to biogeographical studies.…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%