2015
DOI: 10.36311/1982-8004.2015.v8n2.4781
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Circulação De Trabalhadores Dos Engenhos Na Abolição E No Pós-Abolição: Histórias, Trajetórias E Autonomia.

Abstract: Este artigo versa sobre a mobilidade geográfica experimentada pelos trabalhadores dos engenhos, antes e depois do 13 de maio de 1888. Também trata da vivência da liberdade para os ex-escravos trabalhadores dos engenhos na Mata Sul de Pernambuco, após o 13 de maio de 1888. Os processos judiciais permitem entrever fragmentos da vida dos homens que laboravam nos engenhos e observar como a experiência da liberdade ocorreu em meio a desafios para firmar-se enquanto livre e driblar a exclusão. O legado dessas experi… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...

Citation Types

0
0
0

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals

citations
Cited by 0 publications
references
References 2 publications
(2 reference statements)
0
0
0
Order By: Relevance

No citations

Set email alert for when this publication receives citations?