2020
DOI: 10.46401/ajh.2020.v12.9813
| View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: Neste artigo, estudamos a obra O menino que brincava de ser (2000), de Georgina Martins, investigando como são abordados os temas do gênero, corpo e identidade no universo da literatura infantil. A análise enfatiza as brincadeiras do ser do personagem Dudu, que apresenta um gosto não convencional pela cópia ao imitar personagens de contos de fada – geralmente do sexo oposto. Situação que acentuará os problemas das fronteiras do masculino-feminino ao evidenciar o potencial do imaginário na produção de novas sub… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...

Citation Types

0
0
0

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals

citations
Cited by 0 publications
references
References 1 publication
0
0
0
Order By: Relevance

No citations

Set email alert for when this publication receives citations?