volume 13, issue 2, P191-200 2010
DOI: 10.1590/s1414-49802010000200006
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: Este ensaio problematiza, a partir da perspectiva de David Harvey, se e quanto o enfoque e a centralidade sobre a categoria território, no âmbito da atual política nacional de assistência social, configuram-na como inovação institucional. E se são capazes de concretizar, na implementação de políticas, diretrizes que confirmem à assistência social o status de política pública, conforme enunciado na Constituição Federal de 1988 e na Lei Orgânica de Assistência Social. Para tanto, recupera, brevemente, a presença…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Citation Types

0
0
0
7

Paper Sections

0
0
0
0
0

Publication Types

0
0
0
0

Relationship

0
0

Authors

Journals