volume 45, issue 4, P389-394 2010
DOI: 10.1590/s0102-36162010000400008
View full text
|
|
Share

Abstract: REsUMOObjetivo: Comparar a amplitude de flexão e de extensão de tronco por meio de goniometria em atletas e não atletas, relacionando estes dados com o teste do ângulo poplíteo e dos músculos isquiotibiais. Métodos: A amplitude de flexão e extensão de tronco foi avaliada em 50 indivíduos praticantes de esporte regularmente e 50 indivíduos não atletas, os quais não apresentavam nenhum tipo de sintomatologia dolorosa lombar, bem como algum sintoma que pudesse influenciar a realização dos testes. As mensurações …

Expand abstract