volume 61, issue 5, P1035-1043 2009
DOI: 10.1590/s0102-09352009000500004
View full text
|
|
Share

Abstract: RESUMOAnalisou-se o risco de se contrair leishmaniose visceral (LV) e a presença de animais em residências de Belo Horizonte/MG, em 2006. O estudo de caso-controle foi feito por meio de visitas domiciliares, aplicação de questionário e registro de imagens da residência. A estimativa de risco foi mensurada por comparação de condições de moradia entre dois grupos: 1-constituído por 82 casos humanos de LV ocorridos em 2004 e 2-164 controles (vizinhos dos casos). Os domicílios pertencentes ao grupo 1 foram os que…

Expand abstract