2019
DOI: 10.1590/1981-7746-sol00223
View full text
|
|
Share

Abstract: Resumo O presente estudo teórico propõe um diagnóstico crítico das relações entre trabalho, educação e juventudes contemporâneas, por meio de um breve diálogo com o pensamento social de Christian Laval e Pierre Dardot. Sua preocupação central encontra-se na emergência de novos arranjos subjetivos no contexto do neoliberalismo. Para pensar tais relações foram considerados três traços conceituais derivados das obras dos autores selecionados: a compreensão da crise como modo de vida permanente, a ênfase nos aspec…

Expand abstract