volume 13, issue 28, P375-405 2007
DOI: 10.1590/s0104-71832007000200015
View full text
|
|
Share

Abstract: Nos muitos trabalhos que tentam resgatar "o ator" em algum sentido, existe uma tendência a evitar questões de subjetividade, ou seja, "estruturas de sentimento" complexas (na expressão de Raymond Williams). Este artigo retorna ao trabalho de Max Weber e Clifford Geertz para considerar várias questões de subjetividade, incluindo tanto ansiedades existenciais fundamentais como construções sociais e históricas específicas de "consciência". O artigo conclui com uma releitura de vários textos recentes sobre a consc…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Citation Types

0
3
0
16

Paper Sections

0
0
0
0
0

Publication Types

0
0
0
0

Relationship

0
0

Authors

Journals