2017
DOI: 10.11606/issn.2318-9800.v22i1p99-113 View full text |Buy / Rent full text
|
|

Abstract: (Saraiva, 2013). Em linhas gerais, procuro mostrar que, se Nietzsche não for interpretado como um continuador do projeto crítico kantiano, de matriz iluminista, ele acaba por aproximar-se, também no que diz respeito à compreensão da verdade, daquelas filosofias que, por oposição à epistemologia predominante no Ocidente, buscam um acesso direto ao sercaso da filosofia heideggeriana, que poderia ser vista como o ponto culminante de uma tradição que começa com os românticos. Palavras-chave:Nietzsche; Kant; Heide… Show more

Help me understand this report

This publication either has no citations yet, or we are still processing them

Set email alert for when this publication receives citations?

See others like this or search for similar articles