2010
DOI: 10.1590/s0104-83332010000200006
View full text
|
|
Share

Abstract: O objetivo deste artigo é refletir sobre um conjunto de questões relativas ao racismo, à sexualidade e ao contato intercultural na África do Sul, mais especificamente em Cape Town. Esta cidade, que já foi reconhecida como democrática, com expressiva população coloured e gay friendly se apresenta atualmente como uma das mais desiguais da África do Sul pós- apartheid. Percorremos trajetórias de homens e mulheres homo e heterossexuais, de diferentes raças e regiões, no sentido de abrir a escuta para suas experiên…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

0
0
0
0
0

Citation Types

0
1
0
9

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals