2007
DOI: 10.11606/issn.2238-6149.v18i3p158-164
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

O campo da educação e demandas para a terapia ocupacional no Brasil

Abstract: RESUMO: Trata-se de discutir a necessidade de intervenções sociais calcadas na educação e na defesa dos direitos decorrentes da cidadania, para adolescentes e jovens vulneráveis socialmente, tomando-se o caso da escola pública no Brasil. O Projeto METUIA tem trabalhado na construção de bases teóricas para a elaboração de programas terapêutico-ocupacionais na área social, bem como na sua experimentação prática. A partir de experiências e estudos desenvolvidos pelo Núcleo UFSCar do Projeto METUIA, com relação à … Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
4
1

Citation Types

0
11
0
13

Year Published

2011
2011
2023
2023

Publication Types

Select...
10

Relationship

3
7

Authors

Journals

citations
Cited by 22 publications
(24 citation statements)
references
References 1 publication
(1 reference statement)
0
11
0
13
Order By: Relevance
“…Apesar de ser um setor fundamental nas políticas públicas para a juventude, o Ensino Médio enfrenta cotidianamente o embate entre seus objetivos e suas reais condições de projetar a imensa maioria de adolescentes e jovens brasileiros em direção a uma vida de realizações, seja no mercado de trabalho, seja na formação para o Ensino Superior. Um percentual absolutamente relevante de jovens é excluído da escola no Brasil, num processo em que vivenciam a violência dessa discriminação produzida no contexto escolar, com a não-manutenção do acesso, com a falta de qualidade de ensino e, por fim, com a enorme barreira da desigualdade na construção de seus projetos de vida (Lopes, Silva, 2007).…”
Section: O Campo Da Escola Públicaunclassified
“…Apesar de ser um setor fundamental nas políticas públicas para a juventude, o Ensino Médio enfrenta cotidianamente o embate entre seus objetivos e suas reais condições de projetar a imensa maioria de adolescentes e jovens brasileiros em direção a uma vida de realizações, seja no mercado de trabalho, seja na formação para o Ensino Superior. Um percentual absolutamente relevante de jovens é excluído da escola no Brasil, num processo em que vivenciam a violência dessa discriminação produzida no contexto escolar, com a não-manutenção do acesso, com a falta de qualidade de ensino e, por fim, com a enorme barreira da desigualdade na construção de seus projetos de vida (Lopes, Silva, 2007).…”
Section: O Campo Da Escola Públicaunclassified
“…Além disso, o movimento tem a escola do campo como uma das suas perspectivas, que busca referências nas iniciativas educacionais dos movimentos sociais do campo, e se contrapõe a um modelo de escola que dialoga com a lógica do capital, pauta-se então em uma forma escolar enraizada na cultural, luta e resistência da classe trabalhadora do campo (Molina & Sá, 2012 (Lopes & Silva, 2007;Rocha, 2007). Assim, "a inserção dos terapeutas ocupacionais no processo de inclusão escolar parece ser uma consequência da comunicação da profissão com a educação especial e com os processos de inclusão social em geral" (Cardoso & Matsukura, 2012, p. 08).…”
Section: Introductionunclassified
“…No Brasil, a inserção e o suporte de profissionais da área da saúde, especificamente do terapeuta ocupacional, na educação inclusiva, são incentivados desde a década de 1970 (LOURENÇO; CID, 2010). Entendeu-se que a educação era um dos campos de intervenção da terapia ocupacional, não como uma ação clínica, mas sim dirigida a um trabalho a desenvolver coletivamente, visando, sobretudo, a integração e a inclusão de crianças no sistema de ensino regular (ROCHA, 2007;LOPES;SILVA, 2007). No estudo de Rocha e Deliberato (2012), é apontado que a ação do terapeuta ocupacional nas escolas tem por base um trabalho que deve ser desenvolvido em parceria com os educadores, os alunos, os pais e a comunidade, com o intuito de facilitar a participação das crianças no processo de aprendizagem (ROCHA; DELIBERATO, 2012).…”
Section: Introductionunclassified