2018
DOI: 10.1590/1413-81232018238.16672016
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Nem herói, nem vilão: elementos da prática médica na atenção básica em saúde

Abstract: This article describes the elements present in medical practice that contribute to understand its acknowledged low adhesion to the guidelines set forth by the Brazilian Primary Health Care (PHC) Policy. The empirical material produced by the two investigations of a qualitative nature led by the research team were put into use. In the first, in interviews involving managers and social control in cities the State of São Paulo, Brazil, physicians (acknowledged as central professionals for the construction of the … Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
4
1

Citation Types

0
1
0
4

Year Published

2020
2020
2023
2023

Publication Types

Select...
6

Relationship

2
4

Authors

Journals

citations
Cited by 6 publications
(5 citation statements)
references
References 14 publications
0
1
0
4
Order By: Relevance
“…As dificuldades indicadas também podem estar associadas a características da formação profissional dos médicos que, segundo Reis et al 41 , assumem em sua prática profissional demandas sociais, desafios e exigências que não fizeram parte de sua preparação profissional, e reagem criando "territórios profissionais" com um setting tradicional de trabalho com baixo grau de comunicação, uma das razões do estranhamento desse profissional com a equipe.…”
Section: Discussionunclassified
“…As dificuldades indicadas também podem estar associadas a características da formação profissional dos médicos que, segundo Reis et al 41 , assumem em sua prática profissional demandas sociais, desafios e exigências que não fizeram parte de sua preparação profissional, e reagem criando "territórios profissionais" com um setting tradicional de trabalho com baixo grau de comunicação, uma das razões do estranhamento desse profissional com a equipe.…”
Section: Discussionunclassified
“…The direct consequence is having to look at the effects of Kanban on health professions. The discussion presented here focuses on nursing, insofar as health work reconfigurations tend to favor analyses of the medical profession [33][34][35][36] .…”
Section: Discussionmentioning
confidence: 99%
“…Ferreira MC e Mendes AM (2008) corroboram a situação da organização de trabalho é preocupante, podendo reverberar sobre a saúde e bem-estar dos médicos, visto que tal quadro necessita de medidas interventivas a curto e médio prazo, os aspectos mais críticos referem-se a forte cobrança por resultados, as rígidas normas para execução das tarefas e a falta tempo para realizar pausas de descanso no trabalho. Situações semelhantes são deparadas em outas investigações que versam à falta de autonomia profissional (REIS DDO, et al, 2018). Afora, as exigências e cobranças podem contribuir com a burocratização da relação médico e paciente, comprometendo o diálogo autêntico e a comunicação interprofissional (PREVIATO GF, BALDISSERA VDA, 2018).…”
Section: Discussionunclassified