2003
DOI: 10.1590/s0103-40142003000300008 View full text |Buy / Rent full text
|
|

Abstract: ESSE artigo busca demarcar a trajetória de luta das mulheres negras brasileiras no interior do movimento feminista nacional. Trata-se de colocar em questão a perspectiva feminista clássica fundada numa concepção universalista de mulher, que tem o seu paradigma na mulher branca ocidental, o que obscurece a percepção das múltiplas contradições intragênero e entre gêneros que a racialidade aporta. Dessas contradições, impõem-se para as mulheres negras a sua afirmação como um novo sujeito político, portador de uma… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance
0
0
0
0
0
0
14
0
89

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals