2014
DOI: 10.5151/engpro-simea2014-73
View full text
|
|
Share
Igor Faust Ostapiuk, Luiz Carlos Daemme, Renato Penteado

Abstract: RESUMOPara enfrentar os desafios impostos pela legislação ambiental e em busca de uma eficiência energética a indústria automotiva vem desenvolvendo e aplicando a tecnologia de injeção direta em motores do ciclo Otto. Apesar das conhecidas vantagens, tal tecnologia apresenta fatores negativos, com destaque à formação de material particulado (MP).A formação de MP em motores Diesel é um fenômeno já conhecido, contudo nos motores Otto continua sendo um tema a ser mais bem estudado, principalmente sobre a concent…

expand abstract