2007
DOI: 10.1590/s0102-79722007000100008
| View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: ResumoO objetivo deste artigo é discutir sobre o desenvolvimento da interação social em ambientes digitais de aprendizagem, com sujeitos com Autismo. A revisão de literatura baseia-se na Teoria Sócio-Histórica e em teóricos do Autismo. Para tanto, parte-se de uma discussão mais ampla sobre Interação Social e seu desenvolvimento, assim como as características apresentadas no autismo, considerando a intencionalidade de comunicação como um dos principais construtos teóricos para análise da interação social de pes… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
3
1
1

Citation Types

0
0
0
11

Year Published

2007
2007
2019
2019

Publication Types

Select...
6
1

Relationship

1
6

Authors

Journals

citations
Cited by 11 publications
(11 citation statements)
references
References 4 publications
0
0
0
11
Order By: Relevance
“…Nesse episódio, há ainda evidências de atenção conjunta por parte de André, apesar de esta também ser uma habilidade considerada deficitária em pessoas com o transtorno (Passerino & Santarosa, 2007). A atenção conjunta se manifestou em resposta à ação da mãe (quando ele direciona o olhar a elementos que a mãe indica, como ao cachorro), manifestação que tem sido vista como a principal forma de estabelecimento da atenção conjunta no autismo (não sendo iniciativa da criança buscar atrair o olhar e a atenção da mãe a um terceiro objeto) (Passerino & Santarosa, 2007 No que diz respeito ao fluxo interacional, percebe-se como Paloma parte de uma atividade individual (deitada no sofá assistindo televisão) e passa a ter sucessivos movimentos interativos com a mãe (quando tenta que a mãe a compreenda, balbuciando e pegando-a pela mão), nos quais ambas possuem orientação da atenção recíproca.…”
Section: Métodounclassified
See 2 more Smart Citations
“…Nesse episódio, há ainda evidências de atenção conjunta por parte de André, apesar de esta também ser uma habilidade considerada deficitária em pessoas com o transtorno (Passerino & Santarosa, 2007). A atenção conjunta se manifestou em resposta à ação da mãe (quando ele direciona o olhar a elementos que a mãe indica, como ao cachorro), manifestação que tem sido vista como a principal forma de estabelecimento da atenção conjunta no autismo (não sendo iniciativa da criança buscar atrair o olhar e a atenção da mãe a um terceiro objeto) (Passerino & Santarosa, 2007 No que diz respeito ao fluxo interacional, percebe-se como Paloma parte de uma atividade individual (deitada no sofá assistindo televisão) e passa a ter sucessivos movimentos interativos com a mãe (quando tenta que a mãe a compreenda, balbuciando e pegando-a pela mão), nos quais ambas possuem orientação da atenção recíproca.…”
Section: Métodounclassified
“…A atenção conjunta se manifestou em resposta à ação da mãe (quando ele direciona o olhar a elementos que a mãe indica, como ao cachorro), manifestação que tem sido vista como a principal forma de estabelecimento da atenção conjunta no autismo (não sendo iniciativa da criança buscar atrair o olhar e a atenção da mãe a um terceiro objeto) (Passerino & Santarosa, 2007 No que diz respeito ao fluxo interacional, percebe-se como Paloma parte de uma atividade individual (deitada no sofá assistindo televisão) e passa a ter sucessivos movimentos interativos com a mãe (quando tenta que a mãe a compreenda, balbuciando e pegando-a pela mão), nos quais ambas possuem orientação da atenção recíproca. Apesar disso, a regulação dos comportamentos acontece de maneira restrita (como quando a mãe evita o contato da filha, buscando que ela se expresse por meio do verbal).…”
Section: Métodounclassified
See 1 more Smart Citation
“…Segundo Gadia et al (2004), as crianças com autismo apresentam déficits qualitativos na interação sendo possível observar pouco contato visual; problemas com atividades grupais; tendência ao isolamento. Apresentam ainda dificuldades em focar espontaneamente a atenção visual com o outro e atrair a atenção destes para a realização de algo (Passerino & Santarosa, 2007).…”
Section: Comportamentos Autísticos Na Síndrome De Down E Interação Counclassified
“…Porém nos espaços mediados pela tecnologia, são relativamente poucos e incipientes os estudos que tomam como base esse elemento do processo de ensino e de aprendizagem. Entre eles podemos citar especificamente os estudos desenvolvidos por Passerino e Santarosa (2001;2004;2007) no seu projeto de doutoramento (PASSERINO, 2005).…”
Section: Introductionunclassified