2016
DOI: 10.5902/1980509822736
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: O objetivo do trabalho foi avaliar a diversidade, riqueza e composição da comunidade da fauna do solo epígea em uma voçoroca revegetada no ano de 2000 com diferentes espécies de leguminosas arbóreas. A voçoroca está localizada no Instituto Federal de Educação (IFRJ) campus Nilo Peçanha no município de Pinheiral – RJ. Foram avaliadas as seguintes áreas: plantio de Acacia mangium Willd. (PA), plantio de Mimosa caesalpiniifolia Benth. (PM), plantio de leguminosas arbóreas no terço superior da encosta (PTS), plant… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
2
1

Citation Types

0
2
0
4

Year Published

2018
2018
2020
2020

Publication Types

Select...
3

Relationship

0
3

Authors

Journals

citations
Cited by 6 publications
(2 citation statements)
references
References 1 publication
(2 reference statements)
0
2
0
4
Order By: Relevance
“…2020p. 195-206 DOI:10.36524/ric.v6i2.477 Tais ordens são comumente encontradas em ambientes com maior tempo de recuperação e estágios de sucessão ecológica mais avançados (RODRIGUES et al, 2016;SCORIZA e CORREIA, 2016;LAGERLÖF et al, 2017).…”
Section: Resultsunclassified
See 1 more Smart Citation
“…2020p. 195-206 DOI:10.36524/ric.v6i2.477 Tais ordens são comumente encontradas em ambientes com maior tempo de recuperação e estágios de sucessão ecológica mais avançados (RODRIGUES et al, 2016;SCORIZA e CORREIA, 2016;LAGERLÖF et al, 2017).…”
Section: Resultsunclassified
“…O tipo de cobertura vegetal é um fator determinante para a biodiversidade e a abundância das comunidades de macroinvertebrados edáfico. Em sistemas de cultivo diversificados e com solos mais protegidos têm sido relatada elevada diversidade de invertebrados edáficos, indicando a existência de equilíbrio ecológico e, consequentemente, maior sustentabilidade e resiliência dos sistemas (ROSA et al, 2015;RODRIGUES et al, 2016;LAGERLÖF et al, 2017).…”
Section: Introductionunclassified
“…Por outro lado, no período chuvoso, a maior ocorrência esteve associada aos grupos Poduromorpha e Entomobryomorpha, ambos pertencentes a superordem Collembola. Rodrigues et al (2016), também observaram maior ocorrência dos grupos Formicidae e Collembola (Entomobryomorpha), quando avaliaram plantios de leguminosas arbóreas no período seco. As formigas compreendem um terço do total da biomassa de insetos das florestas brasileiras, sendo altamente ativas no solo e geralmente se locomovem em grupo, o que facilita a sua coleta (HARADA et al, 2013).…”
Section: Ecologia E Nutrição Florestal/ecology and Forest Nutrition unclassified
“…No período chuvoso a frequência dos decompositores cresceu relativamente em comparação ao período seco, estando associando principalmente ao elevado número de indivíduos do grupo Poduromorpha. Conforme Maunsell et al (2012), Collembola (Poduromorpha) estão entre os organismos invertebrados mais abundantes do solo, onde exercem importante papel na formação da microestrutura do solo, na fragmentação de excrementos e da serapilheira, e na ciclagem de nutrientes (SCORIZA et al, 2016). Vale ressaltar que esse grupo apresenta maior frequência no tratamento PB2, o que evidencia a importância desse grupo no processo de decomposição, uma vez que nesse tratamento há maior constante de decomposição (Tabela 2).…”
Section: Ecologia E Nutrição Florestal/ecology and Forest Nutrition unclassified
“…have been established in some of the mining areas after the soil coverage step in order to assist in mitigating impacts and promoting environmental recovery. The use of leguminous trees such as the black-wattle is considered advantageous for recovering degraded areas because they grow rapidly and settle in different types of soils, including those with low levels of organic matter and fertility (Rodrigues et al, 2016).…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%