2007
DOI: 10.1590/s0102-311x2007000900011
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: Este artigo busca, com base na revisão da literatura, articular o conceito de resiliência com questões da realidade de vida de pessoas portadoras de HIV/AIDS. Em especial, será enfatizada a análise dos fatores de proteção tradicionalmente descritos como promotores de resiliência (características individuais e rede de apoio social e afetiva). Os estudos revisados revelam que existem importantes fatores de proteção, que contribuem para a saúde e bem-estar dos portadores de HIV/AIDS, entre eles o enfrentamento co… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1
1

Citation Types

0
27
0
42

Year Published

2012
2012
2017
2017

Publication Types

Select...
4

Relationship

0
4

Authors

Journals

citations
Cited by 53 publications
(69 citation statements)
references
References 44 publications
(65 reference statements)
0
27
0
42
Order By: Relevance
“…A ênfase de tais estudos esteve centrada no desenvolvimento de crianças e de adolescentes, tendência que con nua, embora com menor intensidade. Carvalho et al (2007), afi rmam que o conceito de resiliência, quando foi incorporado pela ciência psicológica, procurou explicar porque alguns indivíduos, mesmo em situações adversas, conseguem sobreviver e alcançar o bem--estar em suas vidas, enquanto outros não.…”
Section: Resiliência: Noções Básicasunclassified
“…A ênfase de tais estudos esteve centrada no desenvolvimento de crianças e de adolescentes, tendência que con nua, embora com menor intensidade. Carvalho et al (2007), afi rmam que o conceito de resiliência, quando foi incorporado pela ciência psicológica, procurou explicar porque alguns indivíduos, mesmo em situações adversas, conseguem sobreviver e alcançar o bem--estar em suas vidas, enquanto outros não.…”
Section: Resiliência: Noções Básicasunclassified
“…Compreende-se que o medo do preconceito e do isolamento faz com que os sujeitos soropositivos evitem revelar o diagnóstico até mesmo para familiares e companheiros, limitando a convivência e as fontes de suporte social (30) . Ações de ampliação da rede social de suporte às pessoas que convivem com o HIV são vitais, mas perpassam a estruturação de serviços de atendimento a esse grupo que possibilitem a constituição de espaços de trocas e aprendizagem entre os sujeitos e abordem as dimensões sociais e emocionais que demarcam o viver com o HIV.…”
Section: " (E8)unclassified
“…Essas estratégias se justificam pelo fato de que o apoio e a disponibilidade social aumentam a sobrevida dos enfermos, amenizando o sofrimento, contribuindo para o sucesso do tratamento, diminuindo os efeitos patogênicos do estresse no organismo e aumentando a capacidade das pessoas em lidar com situações difíceis e reorganizar as suas vidas (13,17,30,31) . No presente trabalho, destacaram-se os fatores que se relacionam e influenciam na adesão irregular dos homens participantes da TARV.…”
Section: " (E8)unclassified
“…Over the last two decades, researchers have shown greater interest in studying resilience (Carvalho, Morais, Koller, & Piccinini, 2007). This psychological construct has been defined as the patterns of positive adaptation to risk and adversity (Liebenberg & Ungar, 2009;Masten & Cicchetti, 2012;Rutter, 2006), being understood as a process mediated by individual, family, and social factors for overcoming challenging situations (Cameron, Ungar, & Liebenberg, 2007;Masten & Tellegen, 2012) and the capacity to react positively to adverse and traumatic events (Orton, Griffiths, Green, & Waterman, 2012), in such a way that the individual gains additional protection and coping skills (Poletto & Koller, 2006).…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%