2013
DOI: 10.1590/s0080-623420130000300004
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Fatores associados à infecção pelo uso do cateter central de inserção periférica em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal

Abstract: 546 RESUMOEstudo epidemiológico, longitudinal e analí co, desenvolvido em um hospital de Minas Gerais, com o obje vo de analisar os fatores associados à infecção pelo uso do cateter central de inserção periférica em recém-nascidos internados em unidade de terapia intensiva. A coleta dos dados foi realizada por meio de uma ficha estruturada, preenchida pelos profi ssionais e verifi cada pelos pesquisadores. Foram estudados 291 cateteres inseridos em 233 recém-nascidos. Os fatores associados à re rada por suspei… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1
1
1

Citation Types

0
4
0
16

Year Published

2014
2014
2018
2018

Publication Types

Select...
8
1

Relationship

0
9

Authors

Journals

citations
Cited by 21 publications
(20 citation statements)
references
References 16 publications
0
4
0
16
Order By: Relevance
“…(7,8) However, the role of potential risk factors such as the clinical diagnoses of the neonate, type of catheter, intravenous therapy that indicated its insertion, still requires investigation in this vulnerable population.…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%
“…(7,8) However, the role of potential risk factors such as the clinical diagnoses of the neonate, type of catheter, intravenous therapy that indicated its insertion, still requires investigation in this vulnerable population.…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%
“…Tais dados corroboram com os achados nos IPRAAPICC, no campo referente ao diagnóstico ou motivo da internação na UTI-N, UTI-P ou UCI. No entanto, o campo referente à indicação do cateter era preenchido com as mesmas informações de diagnóstico ou do motivo da internação da criança, os quais nem sempre se relacionavam à necessidade de uma via endovenosa segura e prolongada para terapia de longa duração proporcionada pelo PICC, que pode requerer semanas ou meses infusão venosa intermitente, como para administração de nutrição parenteral, infusão de medicações vesicantes, irritantes, vasoativas, soluções hiperosmolares, quimioterápicos, antimicrobianos, transfusões sanguíneas (1,5,10,14) . Assim, para localizar a indicação do cateter foi necessário recorrer aos prontuários impresso e ou eletrônico e realizar leitura dos registros da equipe de saúde, visto que a informação de indicação de inserção do cateter não era identificada claramente no IPRAAPICC por meio dos registros de enfermagem.…”
Section: Resultsunclassified
“…A veia subclávia se sobressai quanto ao local de punção de nutrição parenteral, transfusão sanguínea, infecção subjacente no momento da inserção do cateter, mais de uma indicação para uso do dispositivo e sítio de inserção femoral (14)(15)(16) .…”
Section: Artigounclassified