2017
DOI: 10.9788/tp2017.3-03pt
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: ResumoUm corpo amplo de evidências científi cas já existente documenta a importância da relação pai-fi lho. O objetivo deste estudo foi desenvolver um modelo teórico de envolvimento paterno, organizado de acordo com princípios de Análise de Equações Estruturais, que requerem especifi car as variáveis associadas ao construto central, com base em dados empíricos. Em 2015, foi realizada uma busca sistemática nas bases de dados eletrônicas APA PsycNET, Bireme, PEPSIC, Web of Science e IndexPsi Periódicos, usando o… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1

Citation Types

0
0
0
1

Publication Types

Select...
1

Relationship

0
1

Authors

Journals

citations
Cited by 3 publications
(30 citation statements)
references
References 24 publications
(30 reference statements)
0
0
0
1
Order By: Relevance
“…Segundo Santis e Barham (2017), apesar do interesse crescente pelo estudo sobre o envolvimento paterno, inicialmente o tema estava relacionado à presença versus ausência física do pai no ambiente familiar, sobre a qual estabelecia-se uma relação com o desenvolvimento infantil a partir destas condições. A partir da década de 90 no entanto, foram acrescentados ao estudo dessa temática os conceitos de acessibilidade, ou seja, o grau de disponibilidade do pai com a criançafísica e psicologicamentee ainda, de responsabilidade, sendo este relacionado à constatação de quanto o pai assume responsabilidades do tipo levar o filho ao médico, acompanhar o trabalho de cuidadores e babás, etc.…”
Section: Introductionunclassified