2010
DOI: 10.1590/s1517-86922010000500007
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Efeitos da suplementação de creatina na força máxima e na amplitude do eletromiograma de mulheres fisicamente ativas

Abstract: A suplementação de creatina apresenta ação ergogênica na força muscular. Entretanto, não há consenso deste efeito na força isométrica máxima e na amplitude do eletromiograma (EMG). Assim, o objetivo deste estudo foi analisar os efeitos da suplementação de creatina na força isométrica máxima e na amplitude do EMG em mulheres fisicamente ativas. Vinte e sete mulheres (idade 23,04 ± 1,82 anos, massa corporal 58,37 ± 6,10kg, estatura 1,63 ± 0,05m e índice de massa corporal 21,93 ± 2,02kg/m²) foram designadas aleat… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1
1

Citation Types

0
0
0
7

Year Published

2016
2016
2021
2021

Publication Types

Select...
2
2
1

Relationship

0
5

Authors

Journals

citations
Cited by 5 publications
(7 citation statements)
references
References 16 publications
0
0
0
7
Order By: Relevance
“…Alguns com grupo de estudo formado por jovens do sexo feminino 1,21,[23][24][25][26][27] , jovens do sexo masculino 19,28,29,30 , e outros por indivíduos idosos de ambos os sexos 5,7,[12][13][14][15][16]20,31,32 . Já outros estudos foram voltados para a população de indivíduos com patologias 2,6,8,33,34,35 e em pós-operatório 9,36 .…”
Section: Resultsunclassified
See 2 more Smart Citations
“…Alguns com grupo de estudo formado por jovens do sexo feminino 1,21,[23][24][25][26][27] , jovens do sexo masculino 19,28,29,30 , e outros por indivíduos idosos de ambos os sexos 5,7,[12][13][14][15][16]20,31,32 . Já outros estudos foram voltados para a população de indivíduos com patologias 2,6,8,33,34,35 e em pós-operatório 9,36 .…”
Section: Resultsunclassified
“…Quanto a frequência de avaliações, uma única avaliação foi a mais recorrente 2,3,4,6,8,9,[11][12][13][14]16,28,[30][31][32][33][34][35][36][37][38] . Outros estudos abordaram avaliações pré e pós-intervenção, sendo estas treinamento de força 7,10,17,20,25,26 ; eletroestimulação 24 , suplementação 23 e alongamento 1,29 . Estudo 19 que buscou verificar os efeitos de um treinamento isocinético de curta duração no desempenho muscular em indivíduos jovens, avaliou a força muscular de forma diferente.…”
Section: Resultsunclassified
See 1 more Smart Citation
“…As análises realizadas são: a) inventários de saúde mental, usado para avaliar o estado cognitivo geral, que tem notas de corte para a população brasileira (BRUCKI et al, 2003); b) inventario de qualidade de vida versão brasileira do formulário de saúde o SF-36 (CICONELLI, et al, 1999); c) escala de independência funcional, que mensura a independência funcional nas atividades básicas de vida diárias (GRANGER et al, 1993); d) composição corporal avaliado através por meio da bioimpedância (IMC, percentual de gordura, massa magra em Kg e peso ideal) conforme PESTROSKI ( 2009); e) questionário de prontidão de atividade física, que avalia o nível de atividade física instrumental da vida diária e de tempo livre (ALMEIDA; RIBEIRO, 2014); f) testes de aptidão física para saúde realizados segundo PROESP GAYA, (2015); g) testes de força, resistência e fadiga neuromuscular com o uso da eletromiografia de superfície (EMG) (PINTO et al, 2013;MEDEIROS et al, 2010); i) Parâmetros de estresse oxidativo e inflamação (PODEROSO et al, 1996;DRAPER;HADLEY, 1990; AKSENOV; MARKESBERY, 2001; LEVINE, R. L. et al, 1990;AEBI, 1984).…”
Section: Metodologiaunclassified
“…Um outro estudo que corrobora parcialmente com os resultados mencionados acima Medeiros et al (2010), realizaram um estudo com população de mulheres, durante seis dias em que foram suplementadas com 20g de creatina monohidratada e 20g de maltodextrina, respectivamente. Foram submetidas a um teste que avaliou a contração isométrica voluntária máxima de extensão do joelho antes e após a suplementação, com captação simultânea dos valores root mean square (RMS) do eletromiógrafo (EMG) obtido do músculo vasto lateral.…”
Section: Creatina E Exercício Físicounclassified