2018
DOI: 10.1590/1807-57622017.0810 View full text |Buy / Rent full text
|
|

Abstract: A reforma médica estadunidense dos anos 1940-1950 envolveu correntes de pensamento com desenvolvimento próprio e diferentes estratégias de mudança, ainda que convergissem em um ideário em torno da Medicina Preventiva. Para a incorporação desse movimento na América Latina e a concretização de uma proposta comum, organizou-se uma série de encontros apoiados pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Seu impacto em São Paulo resulta no surgimento de novas escolas méd… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance
Select...
0
1
0
3

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals