2011
DOI: 10.1590/s1516-73132011000100007
View full text |Buy / Rent full text
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: O que subjaz à construção dos argumentos em sala de aula é o tema central deste trabalho. As orientações para a observação deste processo são os trabalhos sobre o papel da fala e dos diferentes discursos em sala de aula, bem como os elementos que estão em jogo quando se pretende alcançar a Alfabetização Científica. Analisamos discussões ocorridas em sala de aula e, a partir dos resultados obtidos, foi possível tecer relações entre estes dois temas de estudo da Didática das Ciências e encontrar indícios da exis… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
2
1
1
1

Citation Types

0
4
0
33

Year Published

2011
2011
2019
2019

Publication Types

Select...
3

Relationship

2
1

Authors

Journals

citations
Cited by 52 publications
(11 citation statements)
references
References 13 publications
(11 reference statements)
0
4
0
33
Order By: Relevance
“…Vários trabalhos indicaram a abordagem CTS como promotora da alfabetização científica (Auler;Importância..., 2005;Santos, 2007;Sasseron;Carvalho, 2008Carvalho, , 2011aCarvalho, , 2011b, na perspectiva de superar tanto o desinteresse dos alunos pelos estudos científicos quanto as visões deformadas do processo de construção do conhecimento científico e tecnológico. Porém, na busca feita entre 2010 e 2015, apenas o trabalho de Watanabe et al (2010) apresentou esse enfoque por meio de um exemplo prático.…”
Section: Estado Da Arte Sobre Alfabetização Científica No Brasilunclassified
“…Encontramos, ainda, trabalhos que se restringem à revisão de literatura (Sasseron;Carvalho, 2011a;Teixeira, 2013) e outros que investigam os indicadores da alfabetização científica, propostos por Sasseron e Carvalho (2008, 2011b, mediante a análise do discurso apresentado por estudantes e professores em sala de aula (Souza;Sasseron, 2012;VilelaRibeiro;Benite, 2013;Escodino;Góes, 2013;Ramos;Sá, 2013;Vinturi et al, 2014).…”
Section: Estado Da Arte Sobre Alfabetização Científica No Brasilunclassified
“…Cientes de que ações precisam ser realizadas pelo professor de modo a possibilitar que os estudantes trabalhem na construção de entendimento sobre temas debatidos em sala de aula, propomos alguns propósitos e ações realizados pelo professor em sala de aula que contribuem para o processo. A proposição destas ideias está ancorada tanto em referências da literatura, anteriormente mencionadas, quanto em outros trabalhos que já desenvolvemos (Sasseron, 2013, Carvalho e Sasseron, 2012, Sasseron e Carvalho, 2011. A seguir apresentamos um quadro sintético sobre nossa percepção.…”
Section: Uma Nova Proposta De Análiseunclassified
“…Após análises iniciais e prévias dessa aula (Sasserton, 2008, Sasseron e Carvalho, 2011, percebemos a construção de dois argumentos principais ao longo das discussões. Por se tratar de uma discussão coletiva, a construção também se deu dessa maneira, e diferentes falas contribuíram para a forma final do argumento.…”
Section: Argumentos Que Se Pretende Atingir Com As Discussões Dessa Aulaunclassified
“…Em trabalhos cujo objetivo era entender como ocorria o processo de Alfabetização Científica entre alunos do Ensino Fundamental (Sasseron, 2008, Sasseron e Carvalho, 2008, também não foi possível analisar as argumentações ocorridas em sala de aula somente com o padrão de Toulmin. Assim, a proposta estabeleceu um paralelo entre as ideias apresentadas por Toulmin para a constituição de seu padrão de argumento e os indicadores da Alfabetização Científica: seriar informações; organizar informações; classificar informações; raciocínio lógico; raciocínio proporcional; levantamento e teste de hipótese; justificativa; previsão e explicação.…”
Section: Alguns Limites Da Aplicabilidade Do Padrão De Argumento De Tunclassified