2019
DOI: 10.1590/1807-2577.06519
View full text
|
|
Share

Abstract: Resumo Introdução As evidências científicas atuais têm demonstrado que o tratamento para disfunção temporomandibular deve seguir uma abordagem conservadora e adaptada ao estado psicossocial do paciente. Entretanto, tratamentos visando às alterações oclusais foram utilizados durante anos pelos cirurgiões-dentistas e o abandono destes paradigmas é essencial para o desenvolvimento da Odontologia. Objetivo Objetivou-se avaliar o conhecimento de cirurgiões-dentistas (CD) sobre a relação entre disfunção temporoman…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

0
0
0
0
0

Citation Types

0
0
0
2

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals