2019
DOI: 10.1590/s0103-4014.2019.3397.012
| View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Abstract: resumo A propagação da fé católica na América portuguesa, embora responsabilidade formal dos reis lusitanos e atributo dos quadros eclesiásticos, teve nas irmandades, confrarias e ordens terceiras os seus efetivos esteios e promotores. Espaços de vivência religiosa e de sociabilidade, essas agremiações leigas se disseminaram pelo território colonial. Ainda que inspiradas em suas congêneres da metrópole, guardavam consideráveis traços de originalidade, sobretudo aquelas organizadas e mantidas pela majoritária p… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1

Citation Types

0
0
0
1

Year Published

2021
2021
2021
2021

Publication Types

Select...
1

Relationship

0
1

Authors

Journals

citations
Cited by 1 publication
(1 citation statement)
references
References 4 publications
(2 reference statements)
0
0
0
1
Order By: Relevance
“…Contudo, ainda percebe-se uma noção equivocada das práticas culturais de origem africana, conhecida pejorativamente como macumba. 13 Além da religiosidade Orixá, foram discutidas outras religiões de matriz africana, como o Candomblé e Umbanda. Desse modo, como o catolicismo era a religião predominante no Brasil, os escravos africanos foram obrigados a disfarçar seus Orixás em santos católicos, que cultuavam apenas aparentemente, quando sua real intenção de culto estava direcionada aos seus ancestrais africanos.…”
Section: Resultsunclassified
“…Contudo, ainda percebe-se uma noção equivocada das práticas culturais de origem africana, conhecida pejorativamente como macumba. 13 Além da religiosidade Orixá, foram discutidas outras religiões de matriz africana, como o Candomblé e Umbanda. Desse modo, como o catolicismo era a religião predominante no Brasil, os escravos africanos foram obrigados a disfarçar seus Orixás em santos católicos, que cultuavam apenas aparentemente, quando sua real intenção de culto estava direcionada aos seus ancestrais africanos.…”
Section: Resultsunclassified